Acaba hoje!

Na véspera do término do contrato, Ryder afirma que quer ficar no Bahia

Diretor de futebol do clube, Anderson Barros, admite que situação é complicada, mas garante que o Tricolor não vai desistir facilmente


Contrato de empréstimo de Ryder termina neste fim de semana

ryder, atacante do bahia (Foto: Raphael Carneiro/Globoesporte.com)

Após o término da novela com o lateral-direito Madson, uma nova história está perto do fim no Bahia. Mas o desfecho pode não ser dos melhores. O atacante Ryder tem contrato com o Tricolor até este sábado e, por enquanto, não há sinal de acordo entre o clube e a Fiorentina para renovação.

– Amanhã [sábado] acaba meu vínculo com o Bahia, mas já venho conversando há tempos com o diretor Anderson Barros. E ele vem falando que quer renovar comigo. Acho que a Fiorentina não quer mais me emprestar ao Bahia. Eles querem que eu vá para a pré-temporada do profissional lá com eles, mas estão resolvendo. Eu gostaria muito de ficar aqui no Bahia. Estou torcendo para que dê certo. Gosto muito da Fiorentina, mas quero ficar aqui. Quero ficar aqui, porque é um time onde estou bem, estou jogando. Espero que possa ficar aqui no Bahia – disse Ryder, nesta sexta-feira.

A equipe italiana, que havia emprestado o jogador ao Bahia, agora quer vendê-lo. O clube baiano, no entanto, parece não ter o capital necessário para garantir a permanência do atacante. O diretor de futebol do Tricolor, Anderson Barros, admite que a negociação é complicada, mas deixa claro que não vai desistir facilmente de manter o jogador no Fazendão.

– A situação é delicada. Não é fácil, mas ainda tem alguma chance. Eles [a Fiorentina] estão querendo uma negociação definitiva. Nós estamos tentando outras possibilidades. Isso faz parte da negociação. Já driblamos tantas outras, vamos tentar driblar mais essa. Nós estamos mostrando que temos feito o que entendemos ser melhor para o clube. As pessoas com quem estamos negociando estão vendo isso – afirmou o dirigente ao GLOBOESPORTE.COM.

Na briga para manter Ryder no Bahia, Anderson Barros revela que o intuito agora é, ao menos, ganhar tempo para conseguir um desfecho favorável ao clube baiano e ao jogador.

– É complicado. Não tem um prazo [definido para que o atacante se reapresente à equipe italiana]. Teoricamente, com o fim do contrato, ele teria que se reapresentar. Mas há a vontade do atleta de continuar [no Bahia], então vamos tentar ganhar mais alguns dias – disse Barros.

'Se depender de mim, fico no Bahia', afirma Ryder

Ryder; Bahia (Foto: Felipe Oliveira/Divulgação/EC Bahia)

O jovem de 20 anos chegou a figurar na lista de jogadores dispensados após a goleada de 7 a 3 sofrida para o Vitória. Entretanto, com a chegada do técnico Cristóvão Borges ao Fazendão, o baiano de Seabra conquistou o seu espaço e ganhou a vaga de titular no ataque tricolor. Com as boas atuações no setor ofensivo do Bahia, o cenário virou a favor de Ryder. Cristóvão pediu a permanência dele ao diretor de futebol, e as negociações tiveram início.

– Eu e minha família estávamos conversando sobre isso. Estou conquistando meu espaço aqui no Bahia. Acho que foi tanto a direção quanto o técnico Cristóvão Borges, que deu uma cara nova ao time. Não só eu, como o resto dos jogadores, todos tiveram uma evolução. E mostramos que no Brasileiro estamos indo bem. Estou passando por um bom momento no Bahia, tenho ajudado o time a vencer. Estou torcendo para ficar aqui, porque estou em um bom momento e tenho muito a ajudar o time – revelou o jogador.

A vontade, no entanto, pode não ser o suficiente. Ciente de que querer não é poder, Ryder admite que pode ter de voltar à Fiorentina. O jogador deixa um recado para a torcida e reafirma seu desejo.

– Queria dizer que fiquei muito feliz, desde o primeiro dia que cheguei. Todo mundo me tratou muito bem. Se eu voltar mesmo à Fiorentina, digo que foi uma experiência muito boa aqui e espero um dia retornar. Mas, se depender de mim, fico no Bahia e disputo o Brasileirão – finalizou.

Tabela interativa da Série A: http://uniaotricolorba.com.br/tabelaseriea.asp


Fonte: GLOBOESPORTE.COM

Foto: Raphael Carneiro – Felipe Oliveira