Advogado confirma processo de Talisca

Advogado confirma processo e Talisca pode deixar o Bahia


Alef, Maracás e Madson. Três jogadores conseguiram judicialmente a rescisão de contrato com o Bahia ao alegar o não recolhimento do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). A lista pode ganhar mais um integrante: Anderson Talisca.

Thiago Borges, advogado dos representantes do jogador, também responsável pela ação que desligou o lateral-direito Madson do clube, acredita que o desfecho do processo envolvendo Anderson Talisca deve ter o mesmo fim.

O advogado garante que o Bahia efetuou o pagamento do FGTS. No entanto, quando isso aconteceu, o processo exigindo a antecipação de tutela, que tornaria o jogador livre para negociar com qualquer clube, havia sido protocolado.

– Estamos aguardando a decisão do juiz. Estamos confiantes que a liminar seja concedida, mas caso ela não seja temos todas as documentações que provam que o FGTS foi pago com atraso – disse a rádio Transamérica.

Anderson Talisca, que estava a serviço da Seleção Brasileira sub-20, voltou a treinar nesta terça-feira (18) no Fazendão. Mas, por causa do processo, sua presença no time do Bahia no retorno do Brasileirão é incerta.

Fonte: Felipe Santana – Bahia Notícias

Foto: ECB