Publicidade

Tinga garante estar melhor fisicamente e pede cuidado com ataque do Vitória

Lateral-direito Tinga está recuperado de lesão no joelho, mas foi substituído nos últimos dois jogos do Bahia. Ele admite boa fase de atacante rival e prevê jogo difícil no domingo

Recuperar o vigor físico para atuar durante noventa minutos foi um desafio encarado pelo lateral-direito Tinga na última semana. Fora de ação por mais de 40 dias em virtude de uma lesão no joelho, o atleta voltou a atuar na derrota para o Santa Cruz, pela Copa do Nordeste, e logo em seguida jogou no triunfo sobre o Fluminense de Feira, pelas semifinais do Campeonato Baiano. Foi substituído nas duas ocasiões.  Faltava fôlego para suportar seguir em campo até o apito final.

O espaço de tempo para treinar até a final do Campeonato Baiano serviu para que o jogador tricolor voltasse a ter melhores condições físicas. Nesta quinta-feira, ele foi o escolhido para falar em entrevista coletiva. Garantiu que está pronto para ficar em campo durante todo o jogo de domingo, contra o Vitória, no Barradão, pela decisão do estadual.

– Já estou muito bem. No jogo do Santa Cruz estava 45 dias sem jogar. Agora, já passaram duas semanas, estou bem melhor e com certeza vou conseguir jogar os 90 minutos – disse o lateral.

Além do corpo, Tinga garante que está com a “cabeça no lugar”. A recente eliminação da Copa do Nordeste ficou no passado.

– A minha cabeça está pronta. Estou muito feliz. Espero que eu vá para o jogo, estou focado. Sei que serão dois grandes jogos. Vai ser muito difícil.  Estamos treinando ao máximo para sair com o resultado – contou.

Publicidade

Contra o Vitória, Tinga sabe que terá a missão de parar um ataque eficiente. Em 12 partidas na temporada, o Rubro-Negro balançou as redes 26 vezes, média superior a dois gols por partida.

– Com certeza o time do Vitória é qualificado, tem grandes jogadores. Temos que tomar cuidado com o Marinho, Vander, Dagoberto, Temos que diminuir ao máximo e focar bastante, pois vai ser no detalhe. Temos que prestar atenção e nos preparar ao máximo – ponderou.

Marinho é o destaque do adversário de domingo. O atacante marcou oito gols na temporada, dois deles na última quarta-feira, diante do Náutico-RR, pela primeira fase da Copa do Brasil. Tinga admite que o atleta rival vive boa fase e que é preciso ter atenção.

– Está vivendo um grande momento, muito bem. Espero que não faça nenhum gol nesses jogos. É um cara de velocidade, técnica. Então temos que tomar cuidado. Tem o Vander, Kieza e o time todo é muito qualificado. Vai ser um jogo duro. Estamos nos preparando bem – avaliou.

Caso tenha a escalação confirmada para a partida de domingo, Tinga disputará o primeiro Ba-Vi da carreira. No clássico válido pela primeira fase do Campeonato Baiano, o lateral não atuou por estar em tratamento no departamento médico.

Leia também:
Sub-20 Tricolor vence 1º Ba-Vi
Juninho faz elogios a Régis e Renato Cajá: ‘Se chegarem, vão somar’
Baiano Sub-20: Vitória e Bahia se enfrentam nesta quinta pelo primeiro jogo da final
Médico do Bahia admite que Hernane é dúvida para o Ba-Vi
CBF detalha tabela da Série B até a 11ª rodada; Bahia estreia num sábado
Juninho nega abalo psicológico antes das finais: “O time está confiante”

Fonte: Ge.com

 

Publicidade

Ba-ViBahiaCampeonato BaianoFinalTingaVitória
Comentários (0)
Comentar