Torcidabahia
Uma grande torcida, merece um grande site

Bahia 2 x 1 Flamengo :: Raio-X; Scout, Gols e Ficha Técnica

30

Com dois gols de primo de Messi, Bahia vence o Fla e sobe na tabela

Emanuel Biancucchi marca pela 1ª vez com a camisa tricolor e brilha em jogo parelho na Fonte Nova. Flamengo chega a 4ª rodada seguida sem vitória

DESTAQUES DO JOGO

  • Casa cheia

37.393

Com mais uma promoção na venda de ingressos, a torcida do Bahia foi em peso a Arena Fonte Nova para acompanhar o duelo contra o Flamengo.

  • Parceira

Dupla afiada

Pela terceira vez no Campeonato Brasileiro, o atacante Eduardo deixou sua marca após um cruzamento do lateral-esquerdo João Paulo.

  • Pausa no Brasileiro

Hora de Copa

Bahia e Flamengo dão um tempo no Brasileirão e, na próxima quarta-feira, jogam, respectivamente, pela Copa Sul-Americana e Copa do Brasil.

A CRÔNICA

Em duelo equilibrado e numa Fonte Nova lotada, o Bahia levou a melhor sobre o Flamengo e venceu o rival por 2 a 1, neste domingo, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro. O argentino Emanuel Biancucchi, primo de Lionel Messi, foi o herói do time de Salvador fazendo os dois gols do triunfo. Eduardo descontou para os cariocas.

Com o resultado, o Bahia manteve a boa fase na competição e chegou ao seu sexto jogo invicto. O time do técnico Gilson Kleina chegou aos 29 pontos (14º lugar) e conseguiu se distanciar um pouco da zona de rebaixamento. Com dois pontos a mais, o Flamengo, que não vence há quatro rodadas, caiu para o 11º lugar, e segue perto da “confusão” – termo usado pelo técnico Vanderlei Luxemburgo para classificar a parte debaixo da tabela.

Pelo Campeonato Brasileiro, Bahia e Flamengo voltam a campo no próximo sábado quando encaram, respectivamente, Fluminense e Santos. Antes, na quarta-feira, a dupla já tem compromisso. O Bahia recebe o Universidad Cesar Vallejo, do Peru, no jogo de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana. O Flamengo, por sua vez, vai a Natal encarar o América na primeira partida entre as duas equipes pelas quartas de final da Copa do Brasil.

Emanuel Biancucchi luiz antonio bahia x flamengo (Foto: Getty Images)

Emanuel Biancucchi corre para comemorar o primeiro gol. Defesa do Fla lamenta

Primo de Messi faz 1º gol com a camisa do Bahia

Apoiado pela torcida que foi em peso a Arena Fonte Nova (quase 38 mil pessoas), o Bahia começou a partida pressionando o Flamengo. Cauteloso e bem postado atrás, o time carioca tentava explorar o contra-ataque com a velocidade de Everton. No entanto, aos 18, a defesa rubro-negra, que perdera o zagueiro Wallace contundido minutos antes, ruiu. Após bela troca de passes, Henrique rolou na medida para Emanuel Biancucchi. O meia argentino levou a melhor sobre Chicão – curiosamente, o substituto de Wallace – e abriu o placar para os donos da casa.

Eduardo marcou o gol do Fla

Empolgado com o seu primeiro gol pelo Bahia, Emanuel, primo de Lionel Messi e irmão de Maxi Biancucchi (que também começou a partida como titular), quase ampliou de cabeça aos 20. Aos poucos, o Flamengo equilibrou a partida e passou a ser menos pressionado. Mas a pouca mobilidade do ataque formado por Elton e Eduardo fazia com que a equipe chegasse com algum perigo apenas em chutes de fora da área. Márcio Araújo, aos 30, e Luiz Antônio, aos 32 e 38, assustaram o goleiro Marcelo Lomba.

Flamengo muda. Bahia marca

Na volta para o segundo tempo, Luxemburgo trocou Elton por Gabriel para dar mais velocidade ao ataque do Flamengo. Mas veloz mesmo acabou sendo o Bahia. Logo aos dois minutos, o lateral Railan disparou pela direita, entrou na área e acabou derrubado por João Paulo. Pênalti claro. Na cobrança, Emanuel Biancucchi colocou no ângulo sem chances para Paulo Victor e ampliou para o Tricolor da Boa Terra.

Em desvantagem no marcador, o Flamengo partiu para cima do Bahia, que recuou demais e acabou pagando caro por isso. Aos 16, o lateral-esquerdo João Paulo se redimiu do pênalti cometido e fez um cruzamento certeiro para Eduardo. O brasuca-croata cabeceou com estilo no contra-pé de Marcelo Lomba e diminuiu o placar. Na sequencia, o clube do Rio de Janeiro aumentou o ritmo e tentou encurralar o adversário, embora sofresse com contra-ataques perigosos. Num deles, Henrique obrigou Paulo Victor a fazer defesa sensacional com os pés.

Nos minutos finais, o Bahia segurou a pressão rubro-negra e assegurou a hegemonia no duelo contra o Flamengo em Brasileiros. Antes do jogo deste domingo, as duas equipes somavam 11 vitórias cada (além de 16 empates) na competição.

samir henrique bahia x flamengo (Foto: Getty Images)

Henrique sofre com a dura marcação de Samir. Atacante do Bahia teve bom desempenho

O melhor: Emanuel Biancucchi – Irmão de Maxi e primo de Messi, o jogador foi o nome do jogo. Levou perigo com lances de habilidade e marcou os dois gols da vitória baiana.

O pior: João Paulo – Disperso na marcação, o lateral esquerdo esteve envolvido na pane da defesa no primeiro gol do Bahia e cometeu o pênalti que resultou no segundo tento dos donos da casa. Cruzou a bola para o gol de Eduardo da Silva, mas não foi o suficiente para se redimir.

Chave do jogo: O lado esquerdo do Flamengo definiu o confronto. A defesa proporcionou espaços com frequência e facilitou o trabalho do setor ofensivo do Bahia.

Para lembrar: O Flamengo estava invicto há quatro rodadas no Campeonato Brasileiro antes da derrota deste domingo. Já o Bahia chegou ao segundo triunfo consecutivo na competição nacional.

Bahia 2 x 1 Flamengo

Campeonato Brasileiro 2014 – Série A – 25ª Rodada

Local: Fonte Nova, em Salvador (BA)

Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)

Auxiliares: José Javel Silveira (RS) e José Eduardo Calza (RS)

Renda: R$ 1.066.013,00

Público: 36.452 pagantes; 37.393 presentes

Cartão amarelo: Bahia: Uelliton

Gols: Bahia: Emanuel Biancucchi 17’ 1ºT e 3’ 2ºT; Flamengo: Eduardo da Silva 16’ 2º T

Bahia: Marcelo Lomba; Railan, Demerson, Lucas Fonseca e Guilherme Santos; Uelliton, Rafael Miranda, Diego Macedo (Pará) e Emanuel Biancucchi (Fahel); Maxi Biancucchi (William Barbio) e Henrique

Técnico: Gilson Kleina

Flamengo: Paulo Victor; Leo Moura, Wallace (Chicão), Samir e João Paulo; Luiz Antônio, Canteros, Márcio Araújo e Everton; Eduardo da Silva (Arthur) e Elton (Gabriel)

Técnico: Vanderlei Luxemburgo

[**SCOUT**]

ATUAÇÕES

Header_BAHIA (Foto: Infoesporte)

Emanuel resolve para o Bahia

Meia argentino marca duas vezes e é decisivo no triunfo do Tricolor baiano

MARCELO LOMBA – GOLEIRO

Ficou indeciso no gol do Flamengo. Nem saiu nem ficou…

Nota: 5

RAILAN – LATERAL-DIREITO

Foi muito bem de novo, apoiando o ataque o tempo todo. Começou a jogada do primeiro gol, sofreu o pênalti no segundo.

Nota:7,5

LUCAS FONSECA – ZAGUEIRO

Eficiente no desarme, sem se preocupar em jogar bonito.

Nota:6,5

DEMERSON – ZAGUEIRO

Como um zagueiro-zagueiro, afastou tudo o que pôde.

Nota:6,5

GUILHERME SANTOS – LATERAL-ESQUERDO

Bem, principalmente no apoio.

Nota:6

UELLITON – VOLANTE

Muito bem na marcação, rigoroso (às vezes até demais), e com qualidade de passe na saída de bola.

Nota: 6,5

RAFAEL MIRANDA – VOLANTE

Bem na marcação e com passes certos nas saídas de bola.

Nota: 6,5

EMANUEL BIANCUCCHI – MEIA

Boa presença na armação das jogadas. Marcou um gol, quase faz outro no primeiro tempo. No segundo, bateu o pênalti com muita categoria.

Nota:7,5

FAHEL – VOLANTE

Entrou para segurar mais no meio-campo, mesmo assim ainda arriscou subir ao ataque.

Nota: 5,5

DIEGO MACEDO – MEIA

Outro que foi muito bem, principalmente nas jogadas pelo lado direito.

Nota:6,5

PARÁ – LATERAL-ESQUERDO

Entrou e segurou bem a marcação pelo lado esquerdo.

Nota:5,5

MAXI – ATACANTE

Caindo pelo lado esquerdo, deu um trabalho danado à defesa do Flamengo.

Nota:6,5

WILLIAM BARBIO – ATACANTE

Entrou e explorou o lado esquerdo. Deu bom passe, não aproveitado por Henrique.

Nota:6

HENRIQUE – ATACANTE

Deu sempre opção de jogadas no ataque, mas perdeu dois gols incríveis. Foi decisivo no lance do primeiro gol.

Nota:6,5

PROGRAMAÇÃO

O Bahia agora foca na Copa Sul-Americana, já que na quarta-feira encara o Universidad César Vallejo, do Peru, às 19h30, na Fonte Nova.

Comentários
Carregando...