Torcidabahia
Uma grande torcida, merece um grande site

Com três de Hernane, Bahia goleia o Vitória da Conquista por 6 a 1 na Fonte Nova

Zé Rafael, Régis e Vinicius fizeram os outros três gols do Bahia; Flávio Caça-Rato fez o gol do Conquista

Hernane comemora gol na Arena Fonte Nova (Foto: Felipe Oliveira/Divulgação/EC Bahia)
58

Na noite desta quarta-feira (7), o Bahia goleou o Vitória da Conquista por 6 a 1, na Arena Fonte Nova, em Salvador, pela quinta rodada do Campeonato Baiano. O Tricolor vinha em má fase na competição, tendo vencido apenas uma das quatro partidas anteriores, e pela primeira vez no ano, conseguiu empolgar a torcida. Todos os gols da partida foram marcados no segundo tempo.

Hernane Brocador foi o nome do jogo, com três gols. Zé Rafael, Régis e Vinicius marcaram os outros gols do Esquadrão. Flávio Caça-Rato marcou o gol do Conquista.

O Bahia agora é o quinto colocado no estadual, com oito pontos. O Vitória da Conquista tem apenas três pontos e segue na sétima posição.

O Bahia agora terá uma pausa no Carnaval e volta a jogar apenas no dia 18 de fevereiro, às 16h, enfrentando o grande rival Vitória. O Ba-Vi acontecerá no estádio do Barradão.

O JOGO

Primeiro tempo

Aos 6, Vinicius cobrou falta na grande área, Lucas Fonseca desviou e ela sobrou para Kayke, que acabou furando e perdendo uma grande oportunidade para abrir o placar.

Aos 15, o Vitória da Conquista chegou com Naôh, que carregou pelo meio e arriscou de fora da área. O chute saiu fraco e Anderson defendeu sem problemas.

O jogo continuava com poucas chances. O Bahia não conseguia furar o bloqueio defensivo do Vitória da Conquista. Aos 24, Nino Paraíba tocou para Zé Rafael perto da grande área. O meia girou e cruzou rasteiro, mas Kayke chegou atrasado de carrinho e a bola saiu pela linha de fundo.

Aos 28, Nino Paraíba cruzou por baixo, a defesa do Conquista tentou afastar e a bola sobrou com Kayke, que chutou para fora.

Aos 40, Vinicius arriscou de fora da área, mas a bola passou a esquerda, sem perigo para o goleiro Leandro.

Aos 47, Mena cobrou escanteio na área, o goleiro Leandro saiu de soco. Élber tentou pegar a sobra e a bola ficou com Vinícius, que girou e bateu para bonita defesa de Leandro, que desviou para escanteio.

Segundo tempo

No segundo tempo, o Bahia voltou com Hernane no lugar de Kayke. Logo no primeiro minuto, Edigar Junio sofreu falta perto da grande área. Zé Rafael cobrou com categoria, no ângulo para abrir o placar para o Tricolor.

Aos oito, o Bahia fez o segundo. Zé Rafael roubou a bola no meio campo, avançou e tocou para Mena na esquerda, que cruzou para Hernane empurrar para o gol. Foi o primeiro gol no ano do Brocador, que chorou na comemoração.

Aos 17, Gregore roubou a bola e puxou contra-ataque. Ele tabelou com Edigar Junio, foi na linha de fundo e cruzou. O goleiro Leandro cortou parcialmente, mas, bem posicionado, Hernane empurrou para as redes. Segundo gol do Brocador, terceiro do Bahia.

Aos 29, Hernane deu bom passe para Régis, que tocou na saída do goleiro, mas a bola acabou batendo na trave e indo para fora.

Porém aos 30, o Bahia marcou o quarto e Hernane pediu música. Vinícius recebeu na direita e cruzou em arco para o Brocador se jogar na bola e fazer seu terceiro na partida.

Aos 32, o Vitória da Conquista fez o gol de honra. Flávio Caça-Rato recebeu bom passe, driblou o goleiro Anderson e tocou para o gol.

No minuto seguinte, o Bahia voltou a marcar. Gregore deu bom passe para Régis, que invadiu a área e bateu rasteiro para vencer o goleiro Leandro.

E o Bahia fechou o placar aos 40. Após tabelar com Hernane, Vinícius bateu colocado de fora da área e marcou o sexto do Bahia.

FICHA TÉCNICA
Bahia 6×1 Vitória da Conquista
Campeonato Baiano – 5ª rodada
Local
: Arena Fonte Nova, em Salvador
Data: 07/02/2018
Horário: 18h30 (de Salvador)
Árbitro: Ricarle Gustavo Gonçalves Batista
Assistentes: Alessandro Rocha de Matos e Luanderson Lima dos Santos

Cartão amarelo: Jeff Silva, Gabriel Soares (Vitória da Conquista)

 

Gols: Zé Rafael (2/2º), Hernane (8/2º, 15/2º e 30/2º), Flávio Caça-Rato (32/2º), Régis (33/2º) e Vinicius (40/2º)

Bahia: Anderson; Nino Paraíba, Lucas Fonseca, Tiago e Mena (Léo); Gregore; Vinícius, Élber, Zé Rafael e Edigar Junio (Régis); Kayke (Hernane). Técnico: Guto Ferreira

Vitória da Conquista: Leandro; Roni, Sílvio, Lúcio e Jeff Silva; Edson Magal, Edimar e Gabriel Soares; Sillas, Tatu (Beleu) e Naôh (Flávio Caça-Rato). Técnico: Guilhermino Lima

Comentários
Carregando...