Torcidabahia
Uma grande torcida, merece um grande site

Blooming tem passado por grandes dificuldades financeiras, mas vem bem dentro de campo

Vice-líder do seu grupo no Campeonato Boliviano, equipe sofreu uma paralisação dos jogadores em março por atraso no pagamento de salários

Sede do Blooming na Bolívia (Foto: Divulgação)
248

Nesta quarta-feira (11), o Bahia estreia na Copa Sul-Americana de 2018 enfrentando a equipe do Blooming, na Bolívia. O adversário do Tricolor na estreia vive um ano conturbado fora das quatro linhas, porém, dentro de campo, a situação não está ruim.

A equipe, conhecida como “Los Millonarios”, sofre com problemas financeiros e viu os seus jogadores realizarem uma paralisação por conta de atraso no pagamento de salários. Mas, por outro lado, o Blooming venceu o seu último clássico e vem em uma sequência de quatro jogos sem derrotas.

Desde março, a equipe boliviana vem sendo treinada pelo ex-jogador Erwin Sánchez (que é apelidado de Platini). Antes de Sánchez, o Blooming era comandado pelo costa-riquenho Jeaustin Campos, cuja demissão gerou um fato inusitado. Após seu desligamento, Campos recebeu uma proposta para retornar ao comando da equipe, pois o Blooming só poderia ter um novo treinador caso pagasse o valor da multa rescisória a Campos.

Com problemas financeiros, o Blooming teve que tentar fazer com que Jeaustin Campos voltasse ao comando da equipe, mas ele recusou. A diretoria teve que sentar com o ex-treinador para negociar a dívida. Só após Campos aceitar abrir mão de parte da multa, a equipe pode contratar Erwin Sánchez.

No mesmo mês de março, os jogadores da equipe realizaram uma paralisação, se recusando a treinar em protesto ao não pagamento de 30% dos salários de janeiro. Os atletas só voltaram a trabalhar após o pagamento da dívida que, segundo um jornal local, era de cerca de 20 mil dólares.

Porém, em campo, a situação do Blooming não é preocupante. A equipe passou por um período relativamente ruim de 15 partidas, com apenas três vitórias, oito empates e quatro derrotas. Depois disso, a equipe conseguiu uma sequência de quatro triunfos seguidos no torneio Apertura do Campeonato Boliviano. Um desses triunfos foi no clássico contra o Oriente Petrolero, por 2 a 1. A última partida foi diante do Aurora, com triunfo por 2 a 0.

O Blooming poderia estar na liderança do Grupo B da competição, mas acabou sendo penalizada pela Fifa com a perda de três pontos por conta da dívida com o jogador uruguaio Ignacio Ithurralde. Com isso, a equipe é a vice líder do seu grupo, com 20 pontos conquistados em dez jogos. Apesar da boa fase, o Blooming tem um dos piores ataques do Campeonato Boliviano, com apenas 15 gols marcados.

A equipe enfrenta o Bahia às 21h45 desta quarta-feira, na cidade de Santa Cruz de la Sierra. O jogo de volta acontece na Arena Fonte Nova, no dia 8 de maio.

Comentários
Carregando...