Torcidabahia
Uma grande torcida, merece um grande site

Bruno não quer clima de ‘já ganhou’ contra o lanterna Paraná e pede Bahia atento

Há cinco jogos sem vencer no Brasileirão, Tricolor enfrenta o Paraná neste sábado (13), em Pituaçu

Bruno concede entrevista coletiva (Foto: Felipe Oliveira/Divulgação/EC Bahia)
15

Na tarde desta sexta-feira (12), o lateral-direito Bruno concedeu entrevista coletiva no Fazendão. O jogador falou sobre a partida deste sábado (13), contra o Paraná, que acontece às 21h, no estádio de Pituaçu, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O Bahia segue apenas um ponto acima da zona de rebaixamento e não vence há cinco rodadas pela competição. A chance de voltar a triunfar será enfrentando o lanterna da competição, que não vence há 14 jogos e não faz gol como visitante há 11 partidas.

Porém, Bruno, que desfalcou o Bahia na partida contra o Grêmio por suspensão, não quer que a equipe pense apenas nos números para chegar ao triunfo. Segundo ele, a equipe precisa se concentrar apenas na necessidade dos três pontos:

Lógico que os números dizem, mas a gente vem conversando, e a gente sabe da dificuldade. O Paraná está nessa situação, mas é um grupo de homens, que vão querer honrar. Vai ser um jogo difícil. É chegar dentro de campo, tentar fazer o melhor para sair com a vitória. Importante estar focado. Esquecer os números e focar na importância de triunfar em casa.

O Bahia vai contar com grande ajuda da arquibancada no jogo deste sábado. Os ingressos postos à venda foram esgotados para a partida contra o Paraná e o Tricolor deverá ter o apoio de cerca de 32 mil torcedores em Pituaçu. Após descobrir a informação durante a coletiva, Bruno mostrou sua animação com o apoio da torcida nesta fase decisiva:

A gente fica muito feliz. A gente vem acompanhando de casa essa mobilização da torcida. A gente fica orgulhoso. Agora é com o grupo, chegar ali dentro, corresponder e sair com o triunfo, para gente e para a torcida. Sempre acompanhei a torcida do Bahia. Sempre lotou estádios, apoiou do início ao fim. A gente fica feliz. Combustível a mais para chegar lá, dar nosso melhor, com garra, sempre fazer jogos consistentes. Não importa o adversário. A gente tem que pensar no nosso jogo, no que vem treinando para facilitar ali dentro e sair com o triunfo.

O último jogo de Bruno foi contra o Flamengo e o lateral pôde ver de perto a dificuldade do Bahia para fazer gols. Mesmo criando jogadas e pressionando o time adversário, o Tricolor não concluiu bem as ações ofensivas criadas. O jogador acredita que a semana live para treinos ajudou a resolver a questão:

A gente vem aprimorando nos treinos, com o professor, para que possa ajudar os companheiros na frente a concluir e fazer os gols. Todo mundo ciente do que tem que fazer. O grupo se cobra muito. Ali na frente, ter tranquilidade para fazer os gols.

Confira o que Bruno declarou em entrevista coletiva

Carinho da torcida
– Muito importante receber esse carinho, torcedor estar junto com a gente. A gente está orgulhoso, porque a torcida vem comparecendo aos jogos dentro de casa. Assim que tem que ser. A gente precisa desse apoio. Amanhã esperamos a casa cheia, para nos empurrar do início ao fim.

Importância dos três pontos
– Lógico que a gente tem que pensar nesse triunfo. Junto com nosso torcedor. Mas respeitando o adversário, que vai vir impor dificuldades. A gente está focado no nosso time, na nossa situação de jogo. Conversar com o professor para que a gente possa fazer um belo jogo e sair com esses três pontos.

Próximos jogos
– O que a gente vem conversando é que o próximo jogo a gente tem que tratar com se fosse uma final. Isso vai ser ali na frente, uma vitória, e conseguir essa classificação. A gente tem que pensar primeiro nos jogos para chegar no final e ser bem colocado, ter uma boa campanha, classificações importantes. A gente tem que focar no jogo. Lógico que incomoda muito, a gente sage sabe o perigo de brigar ali. A diferença é mínima, então é importante conquistar logo os pontos para sair com a classificação.

Reencontrar os triunfos
– A gente conversa bastante, vem treinando. Campeonato muito difícil. A gente sabe a dificuldade. Mesmo fora de casa, o Bahia tem apresentado um bom futebol. Não é o suficiente. A gente tem que ter uma sequência boa de vitórias. A gente ficou oito ou nove jogos sem perder. Mas tem que ter inteligência para ter sequência e tranquilidade para fazer o dever de casa.

Comentários
Carregando...