Torcidabahia
Uma grande torcida, merece um grande site

CBF oficializa expressão ‘Juiz Caseiro’; Saiba como

1

CBF deve passar a escalar árbitros do mesmo estado do time mandante

Em cruzada para mostrar serviço imediatamente após a posse do presidente Marco Polo Del Nero, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) toma medida polêmica no início do Brasileirão. Segundo Sergio Corrêa, presidente da Comissão de Arbitragem, será liberada a escalação de árbitros do mesmo estado que a equipe mandante.

A proposta é extinguir as preocupações regionais que atualmente norteiam os sorteios de arbitragem. No modelo a ser descartado, um árbitro paulista não pode apitar duelo entre Corinthians e Chapecoense, assim como um carioca não pode trabalhar em Flamengo x Sport, para usar como exemplos partidas da segunda rodada. Isso deve começar a ocorrer ainda nesta edição do Campeonato Brasileiro.

“Nossa principal missão dentro desta nova CBF, determinada pelo presidente Marco Polo Del Nero, é transformar o árbitro do futebol brasileiro”, sonha Sergio Corrêa. “Vamos tirar dele a questão regional, transformá-lo em árbitro nacional”, argumenta.

O presidente da Comissão de Arbitragem usa como exemplo competições das categorias sub-17 e sub-20, nas quais os árbitros escalados eram do mesmo estado que o time mandante. “Esta mensagem de confiança para o árbitro de futebol é muito importante e relevante”, conclui.

A CBF ainda cobra a arbitragem para punições mais duras aos jogadores que lhes questionarem as decisões. Assim espera aumentar o respeito ao árbitro, elevando-o acima das contestações dentro de campo. A entidade pretende implantar as novidades nas próximas rodadas do Brasileirão, e resta saber se as diretrizes darão resultado.

CBF tenta aumentar respeito ao árbitro, mas toma decisão controversa que pode aumentar pressão – Sergio Barzaghi/Gazeta Press

Comentários
Carregando...