Torcidabahia
Uma grande torcida, merece um grande site

Com arbitragem polêmica, Bahia cede empate para o Grêmio

Tricolor vencia por 2 a 0 fora de casa, mas após expulsão e pênalti polêmicos, o Grêmio conseguiu o empate

Léo em jogo do Bahia contra o Grêmio (Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA)
16

Na noite deste sábado (6), o Bahia empatou em 2 a 2 com o Grêmio, na Arena do Grêmio, em jogo válido pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Tricolor baiano chegou a abrir 2 a 0 no placar, mas após decisões controversas da arbitragem, que expulsou o zagueiro Jackson e concedeu um pênalti polêmico ao Grêmio, a equipe acabou cedendo o empate.

Com o resultado, o Bahia chega à 14ª posição, com 31 pontos. A equipe volta a campo no próximo sábado (13), às 21h, quando enfrenta o Paraná, no estádio de Pituaçu, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O JOGO

Primeiro tempo

Logo aos dois minutos de jogo, o Bahia abriu o placar. Léo cobrou lateral na área com força, Nilton subiu para desviar e Élber, livre no segundo pau, completou para o gol.

Aos 16, chance para o Grêmio empatar: Luan cobrou falta na área e Cícero subiu livre para cabecear. A bola passou perto da trave de Douglas.

Aos 23, o Grêmio chegou a balançar as redes: Luan cobrou falta na área, Geromel desviou e Cícero, impedido, desviou para o gol. Após indecisão, o auxiliar assinalou o impedimento, para protesto do time gremista, que dizia que a bola havia desviado em um jogador do Bahia, e não em Geromel.

Aos 29, chance para o Bahia: após boa troca de passes, a bola chegou em Nilton, que arriscou de fora, para boa defesa de Marcelo Grohe no canto.

Aos 38, novamente o Tricolor baiano: Ramires fez boa jogada pela esquerda e cruzou. Gregore apareceu na área e quase consegue o desvio para o gol.

Segundo tempo

O Grêmio precisou fazer duas substituições forçadas por lesão: o goleiro Marcelo Grohe e o atacante Everton saíram, para as entradas de Paulo Victor e Marinho.

Aos três minutos, Luan cobrou falta no ângulo para boa defesa de Douglas.

Aos 10, o zagueiro Jackson chegou de carrinho em cima de Juninho Capixaba, recebeu o segundo amarelo e foi expulso. Porém, para muitos, o defensor nem fez falta no lance, chegando na bola antes de atingir o jogador.

Mesmo com um a menos, o Bahia chegou ao segundo gol: aos 21, Léo fez boa jogada pela esquerda e cruzou, a zaga cortou parcialmente e a bola sobrou para Zé Rafael, que bateu cruzado e a bola sobrou para Élber, livre, completar para o gol. Segundo gol dele!

Só que aos 38, o Grêmio conseguiu diminuir: Marinho fez boa jogada pela esquerda e a bola sobrou para Alisson, que cruzou na área. Juninho Capixaba apareceu livre atrás dos zagueiros para completar para o gol, sem chances para Douglas.

No lance seguinte, aos 40, mais uma polêmica da arbitragem favorável ao Grêmio: Marinho fez boa jogada, invadiu a área e caiu após dividir com Léo e Gregore. O juiz marcou pênalti de Gregore sobre o atacante gremista, o que causou muitas reclamações do time baiano.

Aos 42, Jael cobrou a penalidade sem chances para Douglas e empatou a partida.

FICHA TÉCNICA
Grêmio x Bahia
Campeonato Brasileiro – 28ª rodada 

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre
Data: 06/10/2018
Horário: 21h
Árbitro: Rodolpho Toski Marques (FIFA-PR)
Assistentes: Bruno Boschilia e Victor Hugo Imazu dos Santos (ambos do PR)
Adicionais: Leonardo Sígari Zanon e Fabio Filipus (ambos do PR)
Cartões amarelos: Nino Paraiba, Ramires, Jackson (2x), Gilberto (Bahia) / Kannemann e Juninho Capixaba (Grêmio)
Cartão vermelho: Jackson (Bahia)

Gols: Élber (2/1º e 21/2º), Juninho Capixaba (38/2º) e Jael (42/2º)

Grêmio: Marcelo Grohe (Paulo Victor); Léo Moura, Geromel, Kannemann e Juninho Capixaba; Maicon, Cícero, Luan, Alisson e Everton (Marinho); Jael. Técnico: Renato Gaúcho.

Bahia: Douglas; Nino Paraíba, Jackson, Lucas Fonseca e Léo; Nilton (Elton) e Gregore; Elber, Ramires (Ignacio) e Zé Rafael; Gilberto (Edigar Junio). Técnico: Enderson Moreira.

Comentários
Carregando...