Crônica de Bahia 2×0 Ponte Preta. Cacique perdeu; mas lutou que eu vi

Edigar Junio comemora gol contra a Ponte Preta (Foto: Marcelo Malaquias / Divulgação / EC Bahia)

Essa crônica começa a partir da genialidade de Edigar Júnior; o principal craque do Bahia. Cacique (Edigar); perdeu alguns gols sim; mas lutou muito que eu mesmo vi e foi recompensado/premiado no fim do jogo; com um golaço que ele mereceu e só ele sabe fazer.

Allione jogou muito bem; Mendoza evoluindo cada dia mais; Zé Rafael apesar de apagado é sempre craque assim como Régis. Tiagão, o nosso melhor zagueiro da história (assim eu o considero); foi e é pura raça e dedicação pela camisa do Bahia; mesmo que seja com o uniforme três; e da cor vermelha; inclusive de short vermelho; tipo o sport de recife??

Mas o Bahia se apresentou bem; com consistência; que é o que o técnico Carpegiani vem dando ao time; apesar de no primeiro tempo deixar a Ponte Preta jogar; pois não estavam marcando a saída de bola; principalmente quando jogando com um volante só. Mas enfim; Mendozas à parte; Edigar Júnior foi do jogo o principal personagem; apesar de perder um gol inacreditável no primeiro tempo; ele não desistiu; e continuou acreditando em seu potencial e se esforçando em jogar bola.

Cacique perdeu aquele gol logo no início; mas lutou o jogo todo; que eu mesmo vi (eu estava lá na Fonte e vi). E é assim que nosso cacique Edigar tem se comportado/comprometido. Jogando bola e lutando até o fim; pois foi quando foi premiado com o seu gol. E é justamente assim que o Bahia deve jogar sempre; demonstrando atitude; e mesmo e apesar de perder em alguns lances; lutar até o fim para que toda a torcida veja e reconheça o seu esforço final; enfim.

A sua verdadeira luta. Enfim como dizia a canção de Djavan: “Cacique perdeu mas lutou que eu vi”. E completa dizendo “E que fim levou o Amor?”.

Aguardaremos as cenas dos próximos capítulos tricolores. Fica a dica então…

Daniel Cartaxo, é colaborador do Torcidabahia.com. O conteúdo desse post expressa a opinião do autor, que é plenamente responsável pelo mesmo.
Leia também:
Em treino fechado, Bahia segue a preparação para enfrentar a Chapecoense
Juninho Capixaba quer triunfo contra a Chape: ‘Temos que ter um belo resultado’
FBF divulga tabela do Campeonato Baiano; confira o calendário do Bahia
Confronto entre Bahia e Chapecoense terá equipe de arbitragem de Pernambuco