Torcidabahia
Uma grande torcida, merece um grande site

Edigar Junio pede apoio da torcida do Bahia

Pela Série B, o Bahia volta a jogar no próximo dia 16 de agosto, contra o Atlético Goianiense, na Arena Fonte Nova

Edigar Junio Bahia
Edigar Junio Bahia

Visando a recuperação do Esquadrão na tabela de classificação, o atacante Edigar Junio pediu o apoio da torcida tricolor na partida que encerra o primeiro turno do certame nacional.

– Se eles estiverem junto da gente, vamos ser mais fortes. Precisamos deles pra gente poder ter uma força a mais. Esse momento é da gente se unir. É o momento estar todo mundo com um só pensamento para conquistar objetivo, que é vencer e chegar no final do ano todo mundo se abraçar. Eles têm que nos apoiar pra gente poder sair o mais rápido possível desta situação incômoda – afirmou.

O rubro-negro goiano ocupa no momento a quarta posição, lugar que o Bahia busca para conseguir o acesso à elite do futebol nacional. Edigar Junio acredita que concentração e persistência serão fatores fundamentais para um triunfo.

– Todo mundo sabe que os confrontos diretos são cruciais, então temos que estar focados. Como acabei de falar, esse tempo que que a gente tem pra treinar é muito importante, então a gente tem que trabalhar em todos os pontos, tanto físico, técnico e tático para a gente poder se sobressair de alguma forma no dia do jogo. É um jogo chave que a gente pode aproximar [do G-4]. Não podemos nunca desistir deles desde o primeiro minuto até o juiz apitar. Penso que temos que dar um algo a mais e temos com todas as forças – indicou.

Edigar Junio acumula um acesso na carreira. Em 2014, o atacante foi destaque do Joinville, que conquistou o título brasileiro da segunda divisão. Ele relembrou a conquista pelo time catarinense e mira uma repetição no tricolor.

– Nós também tivemos oscilações. Não tem como um campeonato longo não existir oscilação. Como eu falei, lá a gente sempre manteve o grupo fechado e sempre manteve a pegada de não desistir. Então acho que tem que trazer isso pra cá. Não podemos baixar a guarda e temos que acreditar até o final porque ainda tem muitos jogos e a temos um elenco muito forte e totais condições de brigar. Temos que pensar grande porque o Bahia é grande. Vamos com força e lutar até o final – completou.

Fonte: Bahia Noticias

Comentários
Carregando...