Torcidabahia
Uma grande torcida, merece um grande site

Enderson Moreira explica características de Ramires e Vinícius e fala sobre chance deles jogarem juntos

Vinícius perdeu a titularidade para Ramires, mas se destacou na partida contra o Paraná, marcando dois gols

Enderson Moreira concede entrevista coletiva (Foto: Felipe Oliveira/Divulgação/EC Bahia)
22

Na tarde desta quinta-feira (18), o técnico Enderson Moreira concedeu entrevista coletiva no Fazendão. O treinador falou sobre a disputa por posição entre Vinícius e Ramires no meio-campo do Bahia. Artilheiro e líder em assistências do Tricolor no ano, Vinícius havia perdido a titularidade da equipe para o jovem prata da casa, mas, após ter marcado dois gols no jogo contra o Paraná, ele voltou a ficar em alta.

Enderson Moreira disse que, apesar de disputarem posição na mesma parte do campo, os dois jogadores têm características diferentes. Vinícius é mais armador e finaliza bem, enquanto que Ramires é mais versátil e dinâmico. O treinador do Bahia deu a entender que os dois jogadores podem jogar juntos:

Aconteceu agora contra o Paraná, eles jogaram juntos. São jogadores que podem jogar na mesma faixa. O Ramires tem capacidade de fazer outras funções, mais que o Vinícius. O Vinícius é um meia clássico, armador, com poder ótimo de finalização, leitura de jogadas. Ramires é um meia mais trabalhador, de ter dinâmica de jogo diferente, que pode jogar como volante, assim como o Vinícius. Mas não é a característica dele. O Ramires, sim, tem essa possibilidade. E o Ramires também pode jogar pelo lado. Ramires, a gente pode “brincar” um pouco mais com ele. O Vinícius a gente sabe que é uma posição mais definida.

Além da dupla de meias, Enderson Moreira tem, para o jogo contra o Botafogo, neste sábado (20), os retornos do lateral Nino Paraíba e do zagueiro Jackson, que cumpriram suspensão no jogo contra o Paraná. Porém, os zagueiros Tiago e Everson, e o volante Elton, que ainda se recuperam de lesão, ainda são dúvidas. O técnico falou sobre os retornos e as possíveis ausências para a partida:

A gente sempre acreditou no grupo. Tem atleta que tem gente que nem conhecia há pouco tempo. Estamos usando muito esse elenco. Não dá para lamentar ausência, nem falar que está completo. Temos jogadores no departamento. A gente gosta de ter todo mundo à disposição, mas sempre temos equipe forte para poder nos representar

O Botafogo, adversário deste final de semana, é um conhecido do Bahia em 2018. Além do jogo pelo primeiro turno do Brasileiro, as duas equipes se enfrentaram pelas oitavas de final da Copa Sul-Americana. Após vencer em casa e perder fora pelo mesmo placar (2 a 1), o Tricolor venceu a disputa por pênaltis e se classificou:

Competição de mata-mata traz ambiente diferente. Iniciamos o jogo no Engenhão com uma pequena vantagem. O Botafogo sabia que precisava reverter isso. Só que agora é um jogo que vale muito. Qualquer time que sair de uma forma para cima, sem se resguardar devidamente pode comprometer o resultado. É um confronto direto pela posição na classificação.

O Bahia visita o Botafogo neste sábado (20), às 16h, no estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Confira o que Enderson Moreira falou em entrevista coletiva

Clima no Fazendão
– É engraçado. Nosso clima sempre foi leve. Não descontraído demais, nem somos muito para baixo. Quando cheguei aqui era um clima muito tenso. Faz quatro meses. Confesso que em determinado momento, nos últimos dois meses, mesmo nos momentos mais difíceis, havia uma leveza no ambiente, mesmo quando não tivemos resultado que todos esperávamos. É uma constante no nosso dia-a-dia. Quando há possibilidade de brincar, todo mundo brinca. Apresentação dos novos jogadores todo mundo brinca. Mas quando tem que ter concentração no trabalho está todo mundo imbuído. O nível de treinabilidade nosso aumentou muito. Uma coisa que temos que enaltecer muito.

Poupar ou não poupar?
– Nós estamos com esse tipo de pensamento independente da competição. Quando o jogador não apresenta as condições ideias para poder ir para a campo a gente tem sempre tirado. Não é poupar. Poupar é quando está apto a participar e você não utiliza. Não utilizamos jogador que não está apto para iniciar partida. Aí a conversa é de que esse jogador por jogar 30 minutos, 40 minutos. Não posso começar partida com jogador programado para sair. O jogo pode te levar para outro caminho. Tem que iniciar partida com jogadores programados para jogar 90 minutos. Eles podem não conseguir, mas não podemos ter “senão. A minha preocupação é colocar os atletas que estejam preparados para suportar os 90 minutos. A gente sempre tenta ir com a equipe o mais forte possível. E vai ser assim até o fim. Nós respeitamos muitos as duas competições. Temos semanas abertas agora, com tempo de recuperar todo mundo. Nas próximas a gente não vai ter isso, manter todos os atletas jogando todas as partidas. Um ou outro atleta pode não se recuperar de um jogo para o outro.

Comentários
Carregando...