Fifa pode processar Brasil

Fifa pode processar Brasil se Copa das Confederações precisar ser suspensa

No Maracanã, cartaz de torcedor diz 'Fifa, vá embora'

Lei Geral da Copa prevê que Brasil deve garantir segurança para realização do evento. Itália está pressionando para ir embora. Veículos da Fifa foram alvo de protesto em Salvador.


Se não publicamente, ao menos internamente a FIFA sente os efeitos das manifestações que tomam as ruas do Brasil desde a quinta passada (13 de junho). A entidade máxima do futebol, que teve carros hostilizados e o hotel em que estão hospedados os seus representantes atacado, trabalha com a possibilidade de interromper a Copa das Confederações. A informação é da rádio CBN.

A FIFA já teria, inclusive, consultado o setor jurídico para saber quais seriam as consequências do cancelamento: a resposta que obteve é a de que, pela Lei Geral da Copa, pode acionar o governo brasileiro em caso de cancelamento da competição por falta de garantias segurança.

A rádio destacou que pelo menos uma delegação, que trouxe os familiares para o Brasil, manifestou o desejo de abandonar a Copa das Confederações por precaução. Segundo as informações da CBN, a seleção em questão seria a Itália. O presidente Blatter também está deixando o país verde-amarelo assustado – o projeto inicial era de que acompanhasse o torneio até o final.

Fonte: CBN – Colunistas e Foxsports

Foto: Miguel Schincariol/AFP