Torcidabahia
Uma grande torcida, merece um grande site

Fórmula 1: Massa volta ao pódio e Rosberg incendeia campeonato com novo triunfo; Veja

3

Em dia de 1º pódio de Massa no ano, Nico passa Lewis na largada e vence

No GP da Áustria, brasileiro segura pressão de Vettel nas voltas finais e chega em terceiro. Nasr luta, mas termina fora da zona de pontuação. Alonso e Kimi batem feio

Spielberg, cidade sede do GP da Áustria, tem um nome sugestivo. Remete ao universo do cinema, embora não tenha relação direta com o famoso diretor americano Steven Spielberg. E ao contrário dos grandes clássicos da sétima arte, o destino do vencedor neste domingo foi resolvido logo no início. Bastou uma curva para Nico Rosberg deixar o pole position Lewis Hamilton para trás, rumar para uma incontestável vitória (veja os melhores momentos no vídeo acima) e colocar fogo na temporada 2015 da Fórmula 1. Com mais uma dobradinha da Mercedes, dessa vez com o alemão à frente, Nico chegou a 159 pontos e ficou a apenas 10 do companheiro de equipe e líder do campeonato após oito das 19 etapas disputas. Confira a classificação completa.

Massa sobe ao pódio pela primeira vez no ano

Já para Felipe Massa, como nos filmes do suspense, a tensão permaneceu até o fim. Largando em quarto, o brasileiro da Williams ganhou o terceiro lugar de Sebastian Vettel na parada dos boxes, e precisou ter sangue frio para segurar a pressão do tetracampeão e conquistar seu primeiro pódio no ano, o 40º na carreira. Com o resultado, o experiente piloto também rompeu a barreira dos mil pontos na Fórmula 1.

Nico Rosberg, Lewis Hamilton e Felipe Massa no pódio do GP da Áustria (Foto: Reuters)

Nico Rosberg, Lewis Hamilton e Felipe Massa no pódio do GP da Áustria (Foto: Reuters)

Com problemas nos freios, Nasr não pontua

O jovem Felipe Nasr também teve uma corrida movimentada. Partindo de oitavo, passou a prova inteira brigando no pelotão intermediário. Mas no fim, sofrendo com problemas no freio, não conseguiu segurar a Sauber na zona de pontuação. Bateu na trave, terminando em 11º.

Com o pódio, Massa diminuiu para 5 pontos a desvantagem para o companheiro Valtteri Bottas (Foto: Reuters)

Felipe Massa beija troféu de terceiro lugar no pódio (Foto: Reuters)

Batida feia entre Alonso e Raikkonen termina com McLaren em cima da Ferrari

A prova foi marcada também por um assustador acidente entre Fernando Alonso e Kimi Raikkonen logo na primeira volta. O finlandês perdeu o controle da Ferrari na saída da curva 2, o espanhol não conseguiu desviar e os dois acabaram no guard rail, com a McLaren parando em cima da Ferrari, a poucos centímetros do capacete do Homem de Gelo. Sem machucados, os dois voltaram aos boxes conversando. Mas o susto não acabou por aí. Três fiscais localizados atrás da mureta quase foram atingidos na batida, o que poderia ter provocado uma tragédia.

RESULTADO

Resultado final do GP da Áustria de Fórmula 1 2015 (Foto: Divulgação)

CLASSIFICAÇÃO 2015

Após oito etapas disputas, Hamilton lidera o campeonato com 169 contra 159 de Rosberg. Com o terceiro lugar na Áustria, Massa chegou aos 62 pontos e se aproximou do companheiro de Williams, Valtteri Bottas, o quarto na temporada com 67. Fora da zona de pontuação em Spielberg, Nasr saiu também do top 10 da classificação. No Mundial de Construtores, a Mercedes segue disparada na frente, enquanto a Williams reduziu a desvantagem para a Ferrari.  Confira a classificação completa. A próxima etapa é dia 5 de julho, na Inglaterra.

Durante os treinos, Massa quase atropelou Maurizio Arrivabene, chefe da Ferrari

Classificação do Mundial de Pilotos da Fórmula 1 após o GP da Áustria (Foto: GloboEsporte.com)

Classificação do Mundial de Constutores da Fórmula 1 após o GP da China (Foto: GloboEsporte.com)

Largando do lado de dentro, Rosberg tracionou melhor e roubou a liderança de Hamilton logo na primeira curva. Surpreendido, o britânico tentou retomar a ponta, sem sucesso, durante toda a primeira volta. Vettel se manteve em terceiro, Massa, em quarto, e Nasr, em oitavo.

Nico Rosberg passa Lewis Hamilton na largada do GP da Áustria - Fórmula 1 2015 (Foto: Getty Images)

Nico Rosberg passa Lewis Hamilton na largada do GP da Áustria – Fórmula 1 2015 (Foto: Getty Images)

Um forte acidente entre Kimi Raikkonen e Fernando Alonso precisou paralisar a corrida logo na primeira volta. Os dois se chocaram na saída da curva 2 e acabaram no guard rail. A McLaren do espanhol acabou trepada em cima da Ferrari do finlandês. O safety car teve que ser acionado para a retirada dos carros. E antes da prova recomeçar, Jenson Button não precisou nem cumprir o stop and go, acumulado em razão da punição de 25 posições no grid. Com problemas na McLaren, o britânico recolheu para a garagem na segunda volta e abandonou.

Acidente de Fernando Alonso (McLaren) e Kimi Raikkonen (McLaren) no GP da Áustria (Foto: Reprodução/Twitter)

McLaren de Alonso ficou trepada em cima de Ferrari de Kimi Raikkonen (Foto: Reprodução/Twitter)

Na relargada, nenhuma mudança relevante nas primeiras posições. Nas primeiras 20 voltas, as disputas ficaram por conta de Valtteri Bottas tentando passar o quinto colocado Nico Hulkenberg, e Felipe Nasr, o oitavo, segurando a pressão da STR de Carlos Sainz Jr. Lá na frente, Rosberg abria uma vantagem de 3s sobre Hamilton.

Na rodada de pit stops, a Ferrari vacilou ao retardar ao máximo a parada de Vettel. Felipe Massa aproveitou que o alemão ficou um bom tempo na pista com pneus desgastados, imprimiu um ritmo forte e assumiu, com folga, o terceiro lugar do tetracampeão, que ainda teve problemas para a fixação de uma das rodas no trabalho dos boxes. Antes das paradas, Bottas havia ganho a posição de Hulkenberg, que desistiu de segurar a Williams.

Hamilton é punido por tocar linha branca na saída dos boxes

Já Hamilton viu a vitória ficar ainda mais distante: foi penalizado com 5s por ter tocado a linha branca na saída dos boxes. Como a Mercedes tinha se programado para uma estratégia de apenas um pit stop, o tempo seria adicionado ao resultado final do britânico. Com isso, para vencer, Lewis teria que passar Rosberg e abrir 5s de vantagem. Mas essa era uma situação muito improvável: o alemão liderava com folga, com 6s de sobra.

No pelotão intermediário, Nasr  se virava contra Maldonado, Pérez, Ricciardo e Kvyat para tentar se manter na zona de pontuação. Mas com uma limitada Sauber, o brasileiro não conseguiu segurar a pressão e deixou o top 10 ao ser superado pelo australiano da RBR.

Enquanto isso, Massa, em terceiro, começava a se preocupar com a aproximação de Vettel. O alemão voltou dos boxes quase 4s atrás e ia descontando a desvantagem pouco a pouco. A dez voltas do fim, a diferença entre os dois era de menos de 2s. Nos instantes finais, Vettel colou de vez e passou a ter o direito de usar a asa móvel. O brasileiro se manteve firme. Conteve a pressão e não deu chances para o tetracampeão mundial. Lá na frente, Rosberg recebia a bandeirada para uma vitória tranquila, com Hamilton em segundo.

Red Bull Ring foi a pista que recebeu a oitava etapa da F1 neste fim de semana (Foto: Reprodução/Twitter)

Comentários
Carregando...