Torcidabahia
Uma grande torcida, merece um grande site

Frio de Porto Alegre não vai influenciar no rendimento, diz Preparador

3

Para preparador, frio de Porto Alegre não vai influenciar no rendimento do Bahia

Para preparador, frio de Porto Alegre não vai influenciar no rendimento do Bahia

Em Salvador, a realidade era outra. Muito sol, calor e um elevado índice de desgaste físico. O cenário do ambiente de treinamentos do elenco do Bahia mudou bruscamente na última semana, quando a equipe teve pela frente uma série de partidas no sul do país.

Desde o final de semana passado, quando enfrentou o Atlético Paranaense, em Curitiba, os jogadores do Bahia não retornaram para capital baiana. Entre as capitais paranaense e gaúcha, local das partidas contra Inter e Grêmio, foram mais de sete dias de estadia em locais de baixa temperatura.

Preparador físico do elenco principal, Carlos Mazolla conversou com o Bahia Notícias, em Porto Alegre. Mas, ao contrário do que pensa grande parte dos torcedores do Bahia, atuar em baixa temperatura faz bem ao elenco tricolor.

Segundo ele, pelo elenco estar acostumado a treinar e jogar sob muito calor, com elevadas temperaturas, o desgaste físico em atuações no sul do país é menor que, por exemplo, jogar na Fonte Nova.

"O frio, na parte do rendimento do atleta, não muda quase nada. O que influencia mesmo é a questão do aquecimento, que necessita ser maior, e com mais intensidade. É preciso, no frio, ativar o quanto antes a musculatura para estar aquecido já no início do jogo e evitar lesões. Mas, quanto ao rendimento, não cai", garantiu.

Quanto aos jogadores poupados no meio da semana (Fahel, Demerson e Kieza), o preparador físico acredita que deixar os jogadores 100% fisicamente em poucos dias não é uma tarefa simples, principalmente devido a série de jogos consecutivas da equipe. Mas, para Mazolla, os três não serão motivos de preocupação para o técnico Gilson Kleina.

"Estão próximos do 100%. Mas, com a sequência de jogos que estamos passando, é importante ter esse rodízio. Eles por conta disso vão conseguir render mais, é o que esperamos", concluiu.

Comentários
Carregando...