Torcidabahia
Uma grande torcida, merece um grande site

Guto projeta estreia no Bahia e aponta time espaçado nas últimas partidas

Técnico tricolor comandou o primeiro treino no clube na última segunda-feira (Foto: Divulgação/EC Bahia)

Técnico estreia no comando do Bahia nesta terça-feira, às 19h15 (horário de Brasília), contra o Oeste, na Arena Fonte Nova, pela 13ª rodada da Série B do Brasileiro

As atenções do torcedor do Bahia para a partida contra o Oeste, marcada para esta terça-feira, às 19h15 (horário de Brasília), na Arena Fonte Nova, estarão divididas entre a atuação do time em campo e o comportamento de Guto Ferreira no banco de reservas. Será o primeiro jogo do técnico no comando no comando do Tricolor, que ocupa a 9ª posição da tabela de classificação e busca a recuperação dentro da Série B do Campeonato Brasileiro.

O Oeste é comandado por Fernando Diniz, técnico que tem estilo de jogo de controle e posse de bola e que levou o Audax ao vice-campeonato paulista nesta temporada. Ciente do cenário possível para a partida desta terça-feira, Guto Ferreira afirmou que o comportamento do torcedor será importante para o Bahia sair de campo com um triunfo. Ele também lembrou que teve apenas um treino com o elenco tricolor antes do jogo.

– Vamos enfrentar uma equipe com um grande treinador, estrategista, que trabalha a equipe com posse de bola muito grande. Trabalha situações de rotatividade, a bola não pega fogo no pé das equipes do Fernando Diniz. Teremos pouco tempo para montar uma estratégia e fortalecer ela durante a partida. Se ficar somente lamentando, sem tentar fazer algo, vou perder tempo. Dentro do que é possível, vamos montar uma estratégia, passar da maneira mais didática possível para os jogadores. Enfrentar de igual para igual, resgatar confiança, e contar com o entendimento do torcedor, que pode encontrar um Bahia mais defendendo do que atacando, mas tem que ser esperto. E nessa equipe com contra-ataques, dar uma aliviada nesse processo de pressão e ter tempo e tranquilidade para amenizar tudo isso. (…) O tempo é mínimo, temos que aproveitar da melhor maneira. Não vamos chegar com super time já nesta terça. Temos que repetir muitos treinamentos até chegar ao que temos de objetivo – disse o treinador.

Para armar o Bahia e ter conhecimento sobre o grupo que tem em mãos, Guto Ferreira assistiu a parte dos jogos contra Tupi e Brasil de Pelotas, na última semana. O treinador não gostou do que viu e criticou as atuações da equipe tricolor. Nos dois jogos, o time saiu de campo derrotado. Durante o treino da última segunda-feira, ele trabalhou bastante a transição da equipe titular, que foi formada com Hayner, Jackson, Lucas Fonseca e João Paulo; Feijão, Danilo Pires, Gustavo Blanco e Renato Cajá; Thiago Ribeiro e Hernane.

– Por incrível que pareça, acompanhei um pouco do jogo com o Tupi, mas tinha compromisso com a Chapecoense, como não tinha nada certo com o Bahia, tive que me dividir. A partida conta o Brasil quem acompanhou foi o André [auxiliar técnico]. Eu estava em deslocamento. A gente não viu na totalidade, mas viu muita coisa. Recuperação da confiança é a primeira coisa. O time está espaçado, setores do campo muito distantes. São coisas que precisamos atacar. Sei que não será o suficiente. Mas não se consegue mudar da água para o vinho em algumas horas. A gente visa alguma coisa de melhora. Vai depender de como está o adversário e o que vamos conseguir passar para os atletas. O ser humano não consegue absorver tudo de uma vez só. Se eu jogar 20 ou 30 informações no treino desta segunda, 75% delas vão se dissipar. Se passar poucas informações e diretas, pode ter um resultado melhor – analisou.

O novo técnico tricolor também mandou um recado para os jogadores que fizerem corpo mole. Guto Ferreira avisou ter tolerância zero com os “chinelinhos”. Ele também fez uma projeção otimista sobre o futuro do Bahia dentro da Série B.

– Ou está 100% comprometido ou está fora. Quem quer está dentro e vai ajudar o Bahia. No final de novembro, o Bahia estará na Série A – garantiu.

O JOGO

Bahia x Oeste, 13ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro
Local: Arena Fonte Nova;
Horário: 19h15;
Provável time: Marcelo Lomba; Hayner, Jackson, Lucas Fonseca e João Paulo; Feijão, Gustavo Blanco, Danilo Pires e Renato Cajá; Hernane e Thiago Ribeiro.
Desfalques: Régis, Tinga, Yuri, Gustavo e Mário estão machucados. Luisinho, Moisés e Juninho estão suspensos. Edigar Junio está em fase de transição para ficar à disposição da comissão técnica.
Pendurados do Bahia: Zé Roberto
Arbitragem: Wanderson Alves de Sousa (MG), que será auxiliado por Luiz Antonio Barbosa (MG) e Wesley Moreira de Carvalho (MG).
Transmissão: SporTV (menos BA) e Premiere (com Thiago Mastroianni e Jorge Allan)

Fonte: Ge.com

Comentários
Carregando...