Torcidabahia
Uma grande torcida, merece um grande site

Jean fala de Seleção, titularidade e permanência no Bahia

14

Goleiro do Bahia fala com exclusividade ao Esporte Interativo

Arqueiro que defendeu a seleção brasileira sub-20 no mundial da categoria afirma que quer ficar no clube

Jean atuou pela última vez na primeira rodada da Série B (Foto: Felipe Oliveira/Divulgação/EC Bahia)

Novidade no segundo treino do Bahia da última terça-feira, o goleiro Jean voltou a fazer parte do elenco do Esquadrão e vai disputar a camisa 1 com Douglas Pires, que tem sido o titular na ausência do garoto. Procurado pelo Esporte Interativo, o arqueiro de 19 anos falou com exclusividade sobre o Mundial Sub-20, o que tem reparado de diferente no profissional e se recebeu propostas de outros clubes.

Confira:

Qual a principal diferença que você vê, agora que voltou ao Bahia, para quando você foi para o Mundial?

“Eu acho que não tem muita diferença não, mas o Douglão (Douglas Pires) assumiu o lugar, tá jogando bem. Mas é só essa disputa com ele para saber quem vai jogar. A decisão é com o Sérgio e ele vai decidir o que é melhor para o clube”

O que você aprendeu nesse tempo que passou com a Seleção?

“Foi uma experiência muito boa. Acho que tirei muitas coisas boas de lá, aprendi muito, até com o pessoal que joga mais na Europa, aprendi muito também com o professor Rogerio Maia, que foi o meu treinador de goleiro lá. Eu acho que foi uma experiência boa, volto para o Bahia mais experiente”

Tem alguma coisa específica que você destaca ou no geral foi boa?

“Acho que no geral a experiência foi boa. Mas acho que mais tranquilidade, posicionamento e reposição de bola, acho que aprimorei um pouco mais nesses fundamentos e peguei mais experiência mesmo”

O que você tem reparado de diferente desde que subiu para o profissional?

“É bastante diferente. Esse ano mesmo, em janeiro eu estava na Copa São Paulo e o ritmo de jogo do profissional é diferente do Sub-20, muda bastante. Eu acho que no Sub-20 é um tipo de futebol e no profissional é outro tipo de futebol, é bastante diferente. Mas não tenho muito o que destacar de diferente. É bem diferente, mas eu não tenho algo específico”

Até quando vai seu contrato?

“Até 2018″

Você pretende ficar até o fim do contrato? Como anda seu sentimento com relação a ficar no clube?

“O futuro a Deus pertence, a gente não sabe do futuro. Mas eu quero ficar aqui no Bahia, eu quero subir com o Bahia. Eu quero colocar o Bahia na primeira divisão, que é onde o clube merece, mas a gente não sabe do futuro”

Chegou a receber proposta de outro clube?

“Não, não, isso é só boato, ainda não chegou nada concreto para mim não”

Comentários
Carregando...