Torcidabahia
Uma grande torcida, merece um grande site

Para Léo, gramado do Adauto Moraes não pode ser desculpa para resultado ruim

Neste sábado (17), Bahia enfrenta o Juazeirense pela semifinal do Campeonato Baiano

Léo concede entrevista coletiva (Foto: Felipe Oliveira/Divulgação/EC Bahia)
48

Na tarde desta quarta-feira (14), o lateral-esquerdo Léo concedeu entrevista coletiva no Fazendão. O jogador falou sobre a sua marca registrada: as cobranças de lateral na área. O Bahia vem utilizando desse expediente e já conseguiu marcar gol a partir deste tipo de jogada:

Isso aí já é um pouco de mim mesmo cara (risos)… Não é trabalho de força, é um trabalho de aquecimento, e fortalecimento… É mais precisão do que força e acaba ajudando.

O próximo adversário do Bahia será o Juazeirense, pela semifinal do Campeonato Baiano. No primeiro confronto entre as equipes nesta temporada, no estádio Adauto Moraes, o Tricolor conseguiu marcar um gol a partir de uma cobrança de lateral e venceu de virada por 2 a 1.

Agora as duas equipes se enfrentam valendo vaga na final do estadual. Léo prega respeito no jogo de ida, mas também falou em jogar para cima para sair com o triunfo nesta partida:

A preocupação deles tem que ser maior. Somos Bahia, vamos colocar mais força, somos uma equipe maior. Com todo respeito a Juazeirense, mas eles que tem que se preocupar com a gente.

O gramado do estádio Adauto Moraes foi alvo de bastantes críticas após a primeira partida entre Juazeirense e Bahia. Para Léo, o estado do campo atrapalha o andamento do jogo, mas não pode ser desculpa para uma má atuação da equipe:

A gente tem uma experiência já naquele campo. Não é falando mal, até porque não gosto muito disso. Mas a gente sabe que não tem muito jogo com bola no chão. A gente vai ter que se adaptar, entender que é aquela situação que a gente tem. Não tem que ficar reclamando tudo. Tem que ir lá para jogar. A gente já sabe que o campo é daquele jeito.

Na lateral-esquerda, Léo vem disputando a posição com Mena. Porém, após a lesão do seu concorrente, o jogador foi titular nas últimas quatro partidas. O lateral deve continuar com a vaga na partida contra o Juazeirense, já que o chileno ainda vem se recuperando:

Guto me utilizou em alguns jogos, depois colocou o Mena. Não é ser repetitivo, mas como venho falando, é o estilo de trabalhar dele, o rodízio na equipe. Acho que não tem essa ainda de titular e reserva. Ele está fora acho que há duas semanas, eu voltei a jogar, normal, bem tranquilo quanto a isso.

O Bahia sofreu nove gols nas 13 partidas no ano. O número é considerado razoável, mas, nas últimas cinco partidas, o Tricolor sofreu cinco gols. Léo revelou as cobranças do treinador Guto Ferreira para a parte defensiva:

A visão dele é porque tem jogos que dá para não tomar gols… tem situações que a gente está tomando gol que não é para tomar. Ele passou isso para a gente, que dá para sair zerado… dá para a gente evitar sim.

Comentários
Carregando...