Torcidabahia
Uma grande torcida, merece um grande site

Para Ministro do Esporte ‘Medida Provisória é salvação do futebol brasileiro’

1

"MP é salvação do futebol brasileiro", diz ministro do Esporte em visita ao AC

George Hilton vê aprovação do relatório na Câmara dos Deputados como questão de tempo. Gestor diz que Brasil vai surpreender no Pan de Toronto e opina sobre Seleção

George Hilton cumpriu agenda no Acre na sexta-feira e no sábado (4) (Foto: Murilo Lima)

Em passagem pelo Acre, onde cumpriu agenda na noite de sexta-feira (3) e no sábado (4), em Rio Branco, capital do estado, o ministro do Esporte, Geroge Hilton, deixou clara a posição da pasta sobre a MP do Futebol, que trata da renegociação das dívidas dos clubes em troca das contrapartidas. O documento será votado na Câmara dos Deputados, na próxima terça-feira (7). O gestor considera o relatório a "salvação do futebol" e vê a aprovação do mesmo como uma questão de tempo.

– A MP do Futebol é a salvação do futebol brasileiro. Os clubes perceberam isso, o governo entendeu. Claro que existem alguns movimentos no sentido de tentar impedir, mas hoje a maioria da população brasileira tem, inclusive, influenciado os parlamentares da necessidade de aprová-la porque a partir daí se vai ter uma nova política de gestão desses clubes. Ou se enquadram, ou o futebol estará definitivamente comprometido – comentou.

George Hilton falou ainda sobre a expectativa para a participação do Brasil nos Jogos Pan-Americanos de Toronto, no Canadá. O país tem uma delegação de 500 atletas na competição, que será realizada a partir da sexta-feira (10) até 26 de julho.

– O Pan vai surpreender. Temos muitas expectativas em várias modalidades e, é claro, vai ser uma preparação importante para os jogos olímpicos aqui no Brasil, no próximo ano. É uma delegação recorde, só não maior que a do Pan do Rio, em 2007. Esperamos voltar com muitos títulos – declarou.

Abertura 3º Copão Comunitário (Foto: Murilo Lima)

Gestor (C) confia em bom desempenho do Brasil nos Jogos Pan-Amarericanos de Toronto, no Canadá (Foto: Murilo Lima)

O ministro falou também sobre o atual momento da seleção brasileira. Segundo ele, é preciso investir na categoria de base para evitar que novas frustrações, como o 7 a 1 na Copa do Mundo e a eliminação precoce na Copa América deste ano, voltem a se repetir. Caso contrário, a torcida brasileira vai continuar carente de alegrias.

– Temos hoje a percepção que se não investirmos no futebol de base, vamos ter repetidas vezes essa frustração. Os atletas que são convocados para a seleção brasileira jogam lá fora (exterior) e muitas vezes com esquemas táticos diferentes daqueles que são praticados aqui pela nossa seleção. Portanto, investir nas categorias sub-17, sub-20, penso que parece ser um caminho para que tenhamos não só um grande celeiro de craques, mas para que consigamos fazer com que esses jogadores da base sejam convocados para o time principal – opinou.

Ele lembrou ainda a possibilidade da Seleção se transformar em patrimônio cultural, caso seja aprovada emenda sobre o tema, apresentada pelo relator, deputado Otávio Leite (PSDB-RJ), na MP do Futebol.

– Claro que vai ter que passar pela aprovação dos deputados, mas, se aprovada, coloca a CBF, a partir de agora, em uma linha em que ela estará sujeita às ações do poder público, no caso de alguma investigação – destacou.

Abertura do 3º Copão Comunitário

Ministro (D) participou da abertura do 3º Copão Comunitário, em Rio Branco (Foto: Murilo Lima)

O ministro George Hilton participou, durante a tarde, da abertura do 3º Copão Comunitário, maior competição de futebol amador do Acre. O torneio conta com a participação de 132 times de mais de 100 bairros, 3,4 mil atletas e 11 sedes. Para o gestor, o evento é uma iniciativa que pode servir de exemplo para outras cidades brasileiras.

– Isso é importante. Nós queremos interiorizar a prática esportiva e o futebol é nossa grande cultura esportiva. Apoiar eventos como esse é simular não só que nossos jovens tenham no esporte, um instrumento de inclusão social, mas também promover a integração nos bairros. Vejo nisso uma boa iniciativa para que outras capitais também copiem. Você fazer um evento que une os bairros, integra toda a cidade – finalizou.

George Hilton desembarcou na capital acreana na tarde de sexta-feira (3). À noite, participou de um jantar num hotel da cidade com autoridades e convidados. Na manhã do último sábado, assinou a ordem de serviço para a construção do Centro de Iniciação ao Esporte.

Comentários
Carregando...