Torcidabahia
Uma grande torcida, merece um grande site

#PARTIU: Ítalo Melo ganha na justiça e ‘bate em retirada’

56

Justiça dá ganho de causa à Ítalo Melo e desmente o Bahia

Confirmando a DENÚNCIA feita pelo Galáticos Online, a juíza do Trabalho Ana Cláudia Scavuzzi De C. Magno Baptista concedeu ao meia-atacante do Bahia, Ítalo Melo, a rescisão contratual com o Tricolor. O atleta revelado no Fazendão conseguiu se desligar do clube por conta de quatro meses de salários atrasados e sete meses de FGTS.

Na época em que o site trouxe o caso à tona, o presidente do Bahia, Fernando Schmidt, negou o débito e atacou a equipe do Galáticos em um comunicado divulgado no site oficial do clube. Porém, cerca de dois meses depois, a verdade aparece através da decisão judicial divulgada no dia 29 de agosto de 2014.

Confira trecho da decisão judicial (clique aqui e leia na íntegra):

"ITALO MELO OLIVEIRA ajuizou reclamação trabalhista em face de ESPORTE CLUBE BAHIA, com base nas alegações e pedidos deduzidos na petição inicial de ID 5e3db64, pugnando pela concessão de ANTECIPAÇÃO DOS EFEITOS DA TUTELA, para que fosse declarada a rescisão indireta do contrato de trabalho do autor e a liberação deste para firmar contrato de trabalho com qualquer outra entidade de prática desportiva, em face da mora patronal quanto às obrigações legais e contratuais".

Caso Ítalo Melo

Em 2013, ainda na gestão de Marcelo Guimarães Filho no Bahia, Ítalo Melo ingressou na Justiça contra o Bahia alegando atraso salarias e o não recolhimento do FGTS pelo clube. Na época, o jogador obteve sucesso na causa.

Porém, durante a intervenção, os dirigentes tricolores chamaram o jogador para um ajuste, que foi aceito pelo atacante, que voltou a treinar normalmente. Mas, uma das cláusulas deste acordo dizia respeito à quebra por uma das partes, o que acabou ocorrendo e previa o pagamento de uma multa no valor de 5 milhões de euros.

Comentários
Carregando...