Torcidabahia
Uma grande torcida, merece um grande site

Portões Fechados: Titi conta com televisores ligados por energia positiva

3

Em jogo sem torcida, Titi conta com televisores ligados por energia positiva

Bahia enfrenta o Mogi Mirim nesta sexta-feira, no estádio de Pituaçu, com portões fechados. Clube baiano cumpre punição por confusão no Joia, no ano passado

Galícia x Bahia (Foto: Imagens/TV Bahia)

Sem torcedores nas arquibancadas, Pituaçu vai receber duelo entre Bahia e Mogi Mirim (Foto: Imagens/TV Bahia)

Talvez o torcedor do Bahia nem se lembrasse, mas a primeira partida do Tricolor em casa terá portões fechados. Nesta sexta-feira, a equipe baiana vai receber o Mogi Mirim pela segunda rodada da Série B, no estádio de Pituaçu, e não poderá contar com o apoio da torcida nas arquibancadas. Trata-se de uma punição aplicada pelo STJD em novembro do ano passado, quando o clube foi julgado por causa de uma confusão entre tricolores e a torcida do Figueirense, realizada em 14 de setembro.

Ciente de que o Bahia costuma contar com o 12º jogador, o zagueiro Titi lamentou o estádio vazio que vai encontrar na sexta-feira. Ainda assim, o jogador destacou que conta com as energias positivas enviadas pelos torcedores que vão acompanhar a partida de longe.

– É segunda vez que a gente tem essa oportunidade de jogar com o estádio vazio. Não me recordo a outra vez que eu entrei com a camisa do Bahia em algum jogo, seja amistoso ou de algum campeonato, que a arquibancada estivesse com menos de cinco mil pessoas. Tenho certeza que, ao redor de Pituaçu, nos bares de Salvador, em suas casas, os televisores estarão ligados, mandando energia positiva para a gente dentro de campo – disse.  

Relembre o caso  

A confusão entre torcidas ocorreu no dia 14 de setembro, em partida válida pela 21ª rodada do Brasileirão, no estádio Joia da Princesa. O Bahia cumpria, na ocasião, uma punição imposta pelo STJD após superlotação na partida contra o Santos, realizada no mesmo estádio, em Feira de Santana.  

Durante o duelo contra o Figueirense, integrantes de uma torcida organizada do Tricolor invadiram o espaço destinado aos torcedores do clube catarinense na tentativa de roubar-lhes uma bandeira. A Polícia Militar conseguiu conter a confusão, e alguns tricolores foram detidos.

Inicialmente, o Bahia havia sido condenado a cumprir duas partidas com portões fechados. Posteriormente, o STJD reduziu a pena a apenas um jogo sem torcida, que deveria ter sido cumprido na estreia do Tricolor pela Copa do Nordeste, em 4 de fevereiro, diante do Campinense. No entanto, o clube conseguiu um efeito suspensivo, e os portões fechados foram transferidos para a estreia como mandante pela Segunda Divisão.  

Comentários
Carregando...