Presidente do Bahia entra com recurso

Presidente do Bahia entra com recurso por fim de intervenção

Marcelo Guimarães Filho foi afastado do cargo de presidente do Bahia no último dia 9

Marcelo Guimarães Filho foi afastado do cargo de presidente do Bahia no último dia 9 Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia / Divulgação

No fim da tarde desta quinta-feira, 11 de julho, a defesa de Marcelo Guimarães Filho, presidente afastado do Bahia, entrou com agravo para suspender a intervenção a que o clube está submetido desde a última terça-feira, dia 9.

Caso o recurso encaminhado seja julgado procedente, uma medida de efeito suspensivo será tomada e a intervenção do clube será interrompida após três dias, assim como aconteceu em março de 2012.

Quem julgará o agravo, nesta sexta-feira, é a desembargadora Lisbete Maria de Almeida, a mesma que deu parecer favorável à derrubada da medida cautelar que impedia a intervenção comandada por Carlos Rátis.

Na terça-feira, a defesa do presidente afastado, na figura do advogado Antônio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, defendeu que a derrubada da medida cautelar não era adequada por não haver acusação de irregularidade no processo eleitoral.

"O que houve foi que um conselheiro impedido de votar foi ao judiciário e pediu não para votar, mas sim a intervenção no clube. Não foi julgado o mérito da eleição", afirmou a defesa.


Tabela interativa da Série A com atualização online

http://uniaotricolorba.com.br/tabelaseriea.asp


Fonte: Nelson Oliveira – Terra

Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia / Divulgação