Torcidabahia
Uma grande torcida, merece um grande site

Preto Casagrande revela antigo racha entre auxiliares de Doriva, Reverson e Éder Ferrari

Quando era comandado pelo técnico Doriva, o Bahia não vivia um bom momento interno

Preto Casagrande
Foto: Reprodução / BAR FC

Foi o que revelou o auxiliar do clube, Preto Casagrande. Em entrevista ao canal Bar FC, o profissional do tricolor afirmou que existia uma briga entre os auxiliares Anselmo Sbragia e Eduardo Souza contra o preparador físico Reverson Pimentel e o gerente de futebol Éder Ferrari, que deixaram o clube no mês passado.

– Existia um racha grande na comissão técnica. Eram uns do Doriva contra o Reverson e o Éder. Fiz churrasco, fiz pelada.. Fiz tudo para ter uma harmonia, mas não consegui em nenhum momento. Depois do Ba-Vi, falei pro Doriva: ‘Se a gente ganhar, independente da gente ser campeão ou não, vou chegar para os caras e falar que desse jeito não dá. Ou ficam eles, ou ficamos nós’. Ele falou que não e não tomou essa decisão. Tentou ajustar, falou para o Nei fazer uma reunião, mas não conseguiu isso – afirmou.

No clube desde o começo da temporada, Preto declarou a sua angústia com os conflitos.

– Tínhamos uma comissão divida. A comissão brigava. Eu estava no vestiário com os dois auxiliares e o Doriva. Quando chegava o Reverson, a conversa parava. Aquilo me incomodava de uma maneira… Parecia guerra mundial – completou.

Doriva e seus auxiliares deixaram o Bahia no dia 19 de junho, um dia após o tricolor ser derrotado pelo Londrina, pela Série B.

Veja o vídeo:

Comentários
Carregando...