Querendo a Libertadores, Bahia enfrenta o Atlético-MG com apoio da Massa Tricolor

Edigar Junio, Allione e Mendoza comemorando gol do Bahia contra o Vitoria

Hoje é dia de Bahia na Fonte Nova e hoje é dia de lotar as arquibancadas, chegar cedo para encontrar os amigos e começar a discutir o que vai ser do jogo. Mas não será um jogo qualquer, esse jogo pode ser o início de uma importante caminhada para o Esquadrão de Aço. Vencendo o Atlético-MG, o Bahia dá um grande passo para a Libertadores de 2018.

O clima é bom, a torcida acredita, os jogadores querem, então a partida de hoje na Fonte Nova tem tudo para ser verdadeira mente emocionante. O Bahia só está a 5 pontos do Flamengo que é a primeira equipe do G-7, por isso precisamos lotar a Fonte, vamos colocar 40 mil Tricolores empurrando o Esquadrão de Aço para cima do Galol.

Edigar Junio declarou sexta-feira a importância de jogar em casa com o apoio da Torcida Tricolor e também pontuou sobre a equipe do Atlético-MG.

A gente sabe da qualidade do Atlético-MG, um elenco muito qualificado. Também estamos muito fortes, diante da nossa torcida, que tem sido um diferencial. Quando a torcida está junto com o time, é difícil ganhar da gente. Já estou aqui dizendo que a torcida vai nos ajudar. Já vejo que tem muita mobilização para isso. Vamos precisar deles no domingo. Espero que possamos corresponder dentro de campo

Temos a confiança na vontade do nosso elenco, já vencemos o Corinthians, o Vice Mamão e a Ponte e agora vamos passar por cima também do Atlétigo-mg. O nosso aproveitamento dentro de casa é de 62,5%, com 4 derrotas, 3 empates e 9 triunfos.

O jogo vai ser pegado e a torcida sabe disse, pois o Atlético-MG é um adversário direto para uma vaga. Ocupando o décimo lúgar, o Galo virá com tudo para cima do Bahia e mesmo com desfalques importantes como Fred Cone, Léo Silva, Adilson e Gabriel, deve vir sedento por esses três pontos.

Com relação ao nosso elenco, já sabemos que Lucas Fonseca e Edson continuam no departamento médico e não irão jogar. No meio de campo Renê e Juninho devem começar jogando juntos.

Provável escalação do Bahia

Jean, Eduardo, Tiago, Thiago Martins e Juninho Capixaba. Juninho, Renê Júnior, Zé Rafael, Allione e Mendoza. Edigar Junio.

Ficha Técnica

Bahia x Atlético-MG pela 34ª rodada
Local: Arena Fonte Nova, 17h (de Salvador)
Não Jogam: Lucas Fonseca, Edson e Jackson estão machucados.
Na Pendura: Allione, Anderson, Edigar Junio, Feijão, Jean, Juninho, Matheus Reis e Renê Junior.
Árbitros: Raphael Claus (Fifa) apita o jogo, auxiliado por Daniel Paulo Ziolli (CBF) e Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo (Fifa). O trio é de São Paulo.

Leia também:
Em treino fechado, Bahia segue a preparação para enfrentar a Chapecoense
Juninho Capixaba quer triunfo contra a Chape: ‘Temos que ter um belo resultado’
FBF divulga tabela do Campeonato Baiano; confira o calendário do Bahia
Confronto entre Bahia e Chapecoense terá equipe de arbitragem de Pernambuco