Reuniões definirão futuro dos fujões

Justiça nega liminar de liberação ao lateral Madson

A ameaça de debandada de atletas formados na base do Bahia por conta do não pagamento de FGTS continua forte. Nesta terça-feira, 11, a Justiça não aceitou o pedido de liminar para liberação do lateral Madson, e o mesmo deve acontecer com o meia Talisca.

Ambos estão na equipe principal do Bahia e são agenciados por Jessé Carvalho. Este diz que, apesar da negativa do juiz, o processo continua.

"Mas estamos conversando com Anderson Barros (diretor de futebol do Bahia) e deveremos resolver tudo amigavelmente", afirmou.

Barros também agendou reunião hoje com Roque Nunes, empresário do lateral Alef e do zagueiro Maracás, que já conseguiram liminar para deixar o Bahia.

Nunes vai à reunião, mas avisa: "Não vejo chance de eles ficarem no Bahia". Ambos receberam boas propostas do Vitória e deverão ter seus destinos definidos nesta quarta-feira, 12.

Fonte: Redação – A Tarde

Foto: Blog Simitis Possivel