Tabu quebrado

Bahia vence o Inter fora de casa e respira no Brasileirão

Após o empate e a derrota nos dois primeiros jogos, o Bahia venceu sua primeira partida na Série A. Fora de casa, o Tricolor surpreendeu e bateu o Inter por 2 a 1.

Ryder e Fernandão marcaram os gols que fizeram o Esquadrão respirar depois de tanta pressão da torcida com a crise fora de campo. Forlán descontou para o Colorado.

Com o resultado, o time baiano foi aos quatro pontos ganhos e subiu para a décima colocação na tabela. Os comandados de Cristóvão Borges voltam a campo na próxima quarta-feira (5), contra o Botafogo, em Aracaju.

Logo aos sete minutos, o Bahia teve uma boa chance. Marquinhos fez tabela com Fernandão e invadiu a área. O meia tentou o chute colocado e mandou ao lado do gol.

A resposta do Inter veio um minuto depois, Fred arriscou chute da entdada da área e acertou o travessão.

Mas, ao nove, o Bahia contou com o talento de Ryder. O jovem atacante chutou de longe e acertou o ângulo de Muriel para fazer um belo gol.

Atrás do empate, o Colorado chegou perto aos 18. Josimar recebeu livre na área, mas chutou por cima do gol.

Aos 26, foi a vez de Rafael Moura assustar. após tabela com Forlán, o atacante girou sobre Titi e chutou forte. A bola passou tirando tinta da trave.

Pressionado após o gol, o Tricolor voltou a levar perigo ao adversário aos 42. A bola sobrou na área, mas Fernandão, livre, furou na hora do chute.

No segundo tempo, o Inter começou em cima e deu trabalho a Lomba logo aos dois minutos. Após lançamento na área de Rafael Moura, o arqueiro saiu do gol para defender nos pés de D’Alessandro.

A resposta do Bahia veio aos nove. Jussandro levantou bola na área, Fernandão desviou de cabeça e Muriel salvou com uma grande defesa.

Aos 16, o Tricolor surpreendeu o Colorado. Após cobrança de escanteio, Muriel saiu mal do gol e a bola sobrou para Fernandão. O atacante limpou o zagueiro e empurrou para o fundo das redes fazendo o segundo.

Com a vantagem construída, Cristóvão Borges reforçou a marcação da equipe e colocou Feijão no lugar de Helder.

Mas, dois minutos depois, os donos da casa diminuíram. Após bola levantada na área, a zaga do Bahia parou e viu Forlán dominar e tocar por baixo do goleiro Lomba.

Aos 30, Fernandão, com dores no tornozelo, pediu para sair de campo. Cristóvão colocou Potita na equipe. aos 37, a última alteração com Raul no lugar de Marquinhos.

Nos minutos finais, foi pressão do Inter, mas o Tricolor conseguiu segurar e garantiu seu primeiro triunfo na Série A.

FICHA TÉCNICA

Inter 1 x 2 Bahia

Série A do Brasileirão – 3ª rodada

Local: Estádio Centenário, em Caxias do Sul (RS)

Data: 02/06/2013

Horário: 18h30

Árbitro: Edivaldo Elias da Silva, auxiliado por: Bruno Boschilia e Luciano Roggenbaum.

Cartões amarelos: Gabriel, Rodrigo Moledo, Airton (I); Marquinhos, Lucas Fonseca, Diones, Fahel, Fernandão, Titi, Feijão (B)

Gols: Ryder, Fernandão (B); Forlán (I)

Internacional: Muriel; Gabriel, Rodrigo Moledo, Juan e Fabrício; Williams, Airton (Gilberto), Fred e D'Alessandro; Rafael Moura (Mike) e Forlán.

Técnico: Dunga.

Bahia: Marcelo Lomba; Madson; Lucas Fonseca, Titi e Jussandro; Fahel, Hélder (Feijão), Diones, Marquinhos (Raul) e Ryder; Fernandão (Potita).

Técnico: Cristóvão Borges.

Fonte:  Yuri Barreto para Galáticos on line em 02/06/2013