Torcidabahia
Uma grande torcida, merece um grande site

‘Trabalho magnífico’: Williams elogia Massa e Bottas em Cingapura

0

Williams elogia "trabalho magnífico" de Massa e Bottas em Cingapura

Em pista que não favorecia carro do time inglês, brasileiro administra pneus e arranca quinto lugar. Finlandês fica próximo da sexta colocação, mas não resiste no fim

Seria difícil para Felipe Massa e Valtteri Bottas repetir os pódios das etapas anteriores no GP de Cingapura deste domingo, vencido por Lewis Hamilton, novo líder do campeonato. O circuito travado de Marina Bay não se favorecia os carros do time britânico, em razão da exigência de grande carga aerodinâmica, e os colocavam atrás de Mercedes, RBR e Ferrari. Mesmo assim, o piloto brasileiro conseguiu sair de lá com um proveitoso quinto lugar, graças à administração do desgaste dos pneus em uma arriscada estratégia. O finlandês, por sua vez, por pouco não terminou em sexto, mas seus compostos se deterioram tanto na volta final, que ele acabou sendo superado pelos rivais e despencando para 11º. Apesar de só um deles chegar aos pontos, o chefe de engenharia do time, Rob Smedley, rasgou elogios ao trabalho da dupla:

– Sabíamos que seria um fim de semana de limitação de danos. E no balanço final, devemos estar satisfeitos com o resultado, já que até as últimas curvas, nós éramos capazes de marcar os mesmo número de pontos de nossos rivais mais próximos no campeonato – disse Smedley.

Felipe Massa chegou em quinto no GP de Cingapura deste domingo (Foto: AFP)

Felipe Massa chegou à frente de Raikkonen, que tinha carro melhor, e terminou em quinto

Risco calculado

A entrada do safety car na 31ª volta, em razão de uma batida entre Adrian Sutil e Sergio Pérez, acabou pegando a Williams de surpresa. Voltas antes, Massa (22) e Bottas (23) haviam colocado pneus macios (os que desgastavam menos no fim de semana) e não valeria à pena entrar novamente nos boxes durante o período de paralisação. A saída encontrada pela equipe era pedir para os pilotos tentarem levar até o fim da prova (vídeo ao lado) – que tinha 61 voltas, mas terminou com 60 em razão do limite de tempo. Para isso, seria preciso uma incrível capacidade de administração do desgaste dos pneus.

Perguntando pela reportagem da TV Globo, o diretor esportivo da Pirelli, Paul Hembery, classificou a missão como “impossível”. Mas Felipe Massa conseguiu. Com uma ajudinha de Bottas, que segurava o pelotão um pouco mais atrás, o piloto paulista foi capaz de conter a deterioração dos compostos ao longo de 48 voltas e cruzar em quinto. Já o finlandês, que fazia mágica para conter a pressão de Jean-Eric Vergne, Sergio Pérez, Kimi Raikkonen e Kevin Magnussen, não teve o mesmo sucesso. Um problema na direção assistida de seu FW36 o atrapalhou em administrar o desgaste, seus pneus ficaram em frangalhos justamente na última volta, e ele acabou sendo superado pelos rivais, cruzando a linha de chegada em 11º e ficando sem pontos.

– Nós assumimos um risco calculado com a estratégia e ela funcionou para Felipe, que ficou à frente de Raikkonen, que tinha um carro melhor. Mas com Valtteri não valeu a pena, já que ele ficou sem pneus na última volta. Os pilotos fizeram um trabalho magnífico ao volante e a equipe operou muito bem neste fim de semana. Mantemos o terceiro lugar no Mundial de Construtores, que era o objetivo do fim de semana, e agora estamos indo para pistas que combinarão melhor com nosso carro – concluiu o dirigente.

Pit stop de Valtteri Bottas, da Williams, no GP de Cingapura (Foto: Divulgação)

Pit stop de Valtteri Bottas, da Williams, no GP de Cingapura

Com o resultado de seus pilotos em Cingapura, a Williams manteve a terceira colocação no Mundial de Construtores, mas viu a Ferrari, quarta colocada, diminuir a desvantagem de 15 para oito pontos com o quarto lugar de Fernando Alonso e o oitavo de Kimi Raikkonen. Restando cinco etapas para o fim do campeonato, o time inglês possui 187 pontos, contra 178 da escuderia italiana. Confira a classificação das equipes.

Posição

Piloto

Pontos

Equipe

Pontos

1

 

Lewis Hamilton

241

Mercedes

Mercedes

479

2

Nico Rosberg

238

Mercedes

Mercedes

479

3

Daniel Ricciardo

173

Red Bull

Red Bull Racing

297

4

Fernando Alonso

131

Ferrari se mostrou perplexa com o julgamento da Mercedes

Ferrari

176

5

Sebastian Vettel

124

Red Bull

Red Bull Racing

297

6

Valtteri Bottas

122

Williams

Williams

187

7

Nico Hulkenberg

71

Force-india

Force India

114

8

Jenson Button

70

McLaren-logo

Mclaren

117

9

Felipe Massa

65

Williams

Williams

187

10

Kevin Magnussen

47

McLaren-logo

Mclaren

117

11

Kimi Raikkonen

45

Ferrari se mostrou perplexa com o julgamento da Mercedes

Ferrari

176

12

Sergio Pérez

43

Force-india

Force India

114

13

Jean Éric Vergne

19

Toro Rosso

Toro Rosso

34

14

Daniil Kvyat

15

Toro Rosso

Toro Rosso

34

15

Romain Grosjean

8

Lotus

Lotus

8

16

Jules Bianchi

2

Marussia

Marussia

2

17

Pastor Maldonado

0

Lotus

Lotus

8

18

Max Chilton

0

Marussia

Marussia

2

19

Adrian Sutil

0

Com grandes dificuldades financeiras, a Sauber poderá ter que vender sua sede em Hinwil, para pagar dívidas.

Sauber

0

20

Kamui Kobayashi

0

Caterham

Caterhan

0

21

Marcus Ericsson

0

Caterham

Caterhan

0

22

Esteban Gutiérrez

0

Com grandes dificuldades financeiras, a Sauber poderá ter que vender sua sede em Hinwil, para pagar dívidas.

Sauber

0

Comentários
Carregando...