Vacilou…

Madson é reintegrado ao Bahia


De cara, pelo menos no jogo treino de sábado passado contra o Ypiranga, a maior consequência sofrida pelo lateral-direito Madson, revelado nas Divisões de Base do Fazendão, e que tinha acionado o clube na Justiça do Trabalho em busca do passe livre, foi perder sua condição de titular no time de profissionais do Bahia para Neto. Mas o jogador, que chegou a ser anunciado como um dos “reforços” do Vitória está reintegrado ao grupo de trabalho no CT do Fazendão e foi bem recebido pelo técnico Cristóvão Borges.

“O garoto não criou nenhum mal-estar, e sua ação foi através dos seus representantes, que chegaram a um acordo com a direção do clube. É claro que esse tipo de problema sempre atrapalha, Madson ficou de fora de alguns trabalhos da inter-temporada, mas ele é um jogador querido no grupo, tem qualidades e seu ambiente é saudável no Fazendão”, disse o treinador, encerrando as especulações sobre possíveis represálias contra o lateral-direito.

Madson foi um dos muitos jogadores do Bahia que lutaram na Justiça do Trabalho pela liberação dos seus direitos federativos, pelo atraso e não pagamento, por parte do clube, das cotas de FGTS e INSS. Mas o Tricolor recorreu, ganhou a ação, e na semana passada o lateral comentou sobre a sua situação através da rede social, e sinalizou que ficará no clube com a renovação do seu contrato até o ano de 2015.

Questionado sobre um possível mal-estar entre o atleta e a comissão técnica, Cristóvão prontamente garantiu que o clima no Fazendão não poderia estar melhor. "Ele, como todos os outros, vai ter uma disputa normal pela vaga de titular. Claro que, como ele ficou uns dias parado, tem que se readaptar. Mas está tudo normal, sem problemas. Os jogadores se entendem muito bem e não temos nenhum problema de relacionamento", garantiu.

Tabela interativa da Séria A do Brasileirão: http://uniaotricolorba.com.br/tabelaseriea.asp


Fonte: Tribuna da Bahia

Foto: ECB