Torcidabahia
Uma grande torcida, merece um grande site

Vinícius entra, faz dois no fim, Bahia vence Paraná e encerra jejum de triunfos no Brasileirão

Tricolor volta a vencer no campeonato após cinco jogos e se afasta da zona de rebaixamento

Vinícius comemora gol em Pituaçu (Foto: Felipe Oliveira/Divulgação/EC Bahia)
23

Na noite deste sábado (13), o Bahia venceu o Paraná por 2 a 0, no estádio de Pituaçu, em jogo válido pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com isso, o Tricolor voltou a vencer na competição após cinco jogos. Vinícius, que entrou no segundo tempo, foi o nome da partida, marcando os dois gols do triunfo.

O Bahia agora se afastou da zona de rebaixamento, chegando aos 34 pontos e subindo para a 12ª posição. O Paraná, virtualmente rebaixado, segue na lanterna, com 17 pontos conquistados.

O Tricolor volta a campo no próximo sábado (20), às 16h, quando encara o Botafogo, no estádio Nilton Santos, pela 30ª rodada do Brasileiro.

O JOGO

Primeiro tempo

Apoiado pela torcida, que lotou o estádio de Pituaçu, o Bahia tentou dominar as ações ofensivas, mas não conseguia levar perigo ao gol paranista.

Com isso, aos 15 minutos, foi o Paraná que teve a primeira boa chance da partida. Após boa troca de passes, Deivid recebeu livre e, na cara de Douglas, chutou em cima do goleiro tricolor.

Aos 22, a chance foi do Bahia. Léo avançou bem pela esquerda, foi até a linha de fundo e cruzou na área. Livre, Ramires cabeceou para o gol, mas a bola passou tirando tinta do travessão do goleiro Richard.

Dois minutos depois, a resposta do Paraná. Em contra-ataque, Silvinho avançou em velocidade pela direita, passou pela marcação e encontrou Deivid, que deixou para Rafael Grampola, que chutou mascado em cima do goleiro Douglas.

Aos 43, após jogada trabalhada do ataque do Bahia, Ramires cruzou na área e Zé Rafael pegou de primeira, rasteiro. A bola passou rente à trave direita do Paraná.

No finalzinho do primeiro tempo, o Tricolor baiano ainda teve mais duas chances: aos 48, Zé Rafael cobrou falta com perigo e Richard espalmou para escanteio. Na cobrança, Ramires tentou o gol olímpico, mas o goleiro paranista tirou com a ponta dos dedos.

Segundo tempo

Com dois minutos da segunda etapa, o Bahia quase abriu o placar. Bruno cruzou na área e Zé Rafael cabeceou no canto. Richard se esticou e desviou para fora. Nos minutos seguintes, o Tricolor tentou criar muitas chances, mas não foi efetivo.

Aos 12, o Paraná que chegou com algum perigo. Deivid puxou contra-ataque e encontrou Alex Santana, que ajeitou e chutou colocado em cima de Douglas.

No minuto seguinte, a resposta do Bahia. Zé Rafael encontrou Bruno na direita, que cruzou na área. Richard cortou o cruzamento, mas Ramires tentou de carrinho e Zé Rafael pegou a sobra, e o goleiro do Paraná conseguiu abafar a finalização.

Aos 23, uma substituição que iria mudar o jogo. O meia Vinícius entrou com a camisa do Bahia, no lugar do lateral Bruno.

Chance para o Paraná. Aos 30, após boa jogada de Silvinho, ele encontrou Rafael Grampola que desviou para Andrey, que isolou a bola na hora do chute.

Aos 35, Zé Rafael foi substituído por Edigar Junio e foi bastante vaiado pela torcida no estádio de Pituaçu.

O Bahia conseguiu abrir o placar aos 39!  Em falta perigosa perto da entrada da área, Vinícius cobrou com perfeição, sem chances para o goleiro Richard. Bahia 1 a 0!

Aos 44, Vinícius marcou seu segundo gol na partida. Léo cruzou pela esquerda, a bola desviou e passou pela defesa do Paraná, até que Vinícius chegou soltando uma bomba de pé direito. Segundo gol do camisa 29!

FICHA TÉCNICA
Bahia 2×0 Paraná
Campeonato Brasileiro – 29ª rodada 

Local: Pituaçu, em Salvador
Data: 13/10/2018
Horário: 21h
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)
Assistentes: Leirson Peng Martins e Lucio Beiersdorf Flor (ambos do RS)
Adicionais: Vinicius Gomes do Amaral e Jonathan Benkenstein Pinheiro (ambos do RS)

Cartões amarelos: Zé Rafael (Bahia) / Juninho, Andrey, Jhony (Paraná)

Gols: Vinicius (39/2º e 44/2º)

Bahia: Douglas; Bruno (Vinicius), Douglas Grolli, Lucas Fonseca e Léo; Gregore e Flávio; Élber (Nilton), Ramires e Zé Rafael (Edigar Junio); Gilberto. Técnico: Enderson Moreira.

Paraná: Richard; Júnior (Jhony), René Santos, Rayan e Igor; Alex Santana, Leandro Vilela, Deivid (Andrey) e Juninho; Silvinho (Nadson) e Rafael Grampola. Técnico: Claudinei Oliveira.

Comentários
Carregando...