Aposta do CSP, Carlos Caaporã chega por empréstimo

Aposta do CSP, Carlos Caaporã vai por empréstimo para a base do Bahia

Atacante fica no Tricolor até dezembro. Empréstimo foi sem nenhum custo, mas com opção de compra caso o clube deseje comprar o atleta para 2014

Carlos Caaporã foi emprestado para as categorias de base do Bahia. Contrato vai até dezembro

Carlos Caaporã CSP (Foto: Kako Marques)

 


 

Uma das principais apostas do CSP (Centro Sportivo Paraibano), o atacante Carlos Caaporã está de 'casa nova'. Com 18 anos, ele foi emprestado para as categorias de base do Bahia até dezembro. A informação foi confirmada pelo Tricolor. No novo clube, Caaporã poderá disputar as versões sub-20 do Campeonato Brasileiro, da Copa do Brasil e da Taça Belo Horizonte. Existe a possibilidade também dele ser contratado no fim do ano e disputar a Copa São Paulo de Futebol Júnior em 2014.

Nesta segunda-feira, Caaporã embarcou de João Pessoa para Salvador. E com os "pés no chão" espera repetir o mesmo futebol que atraiu os olhares do Bahia, ainda atuando pelo CSP.

– Estou muito feliz. Quero ajudar o Bahia e também aprender algumas coisas. Fiz um bom campeonato pelo CSP no ano passado e espero repetir esse feito – resumiu Caaporã.

Em Salvador, Caaporã é esperado pelo superintendente das categorias de base do Bahia, Carlos Anunciação. O dirigente aposta no jogador paraibano, que foi descoberto por olheiros. Agora, Carlão espera que o atleta conquiste espaço no Tricolor. E quem sabe alcançar voos mais altos no clube.

– É um jogador que é sub-20, e que será integrado ao departamento de futebol de base. Ele vai chegar e ainda realizar alguns exames. Estamos fazendo uma parceria com o CSP. Temos observadores que passaram informações sobre o futebol dele. E tenho certeza que ele irá se dar bem aqui no Bahia. Dependendo da produção dele, existe a possibilidade de Caaporã subir para o time profissional. Mas ele tem que ganhar antes de tudo o espaço dele nas categorias de base – afirmou Carlão.

<<“Dependendo da produção dele, existe a possibilidade de Caaporã subir para o time profissional" Carlos Anunciação, o Carlão, superintendente das categorias de base do Bahia>>

 

O empréstimo de Carlos Caaporã para o Bahia foi sem custos. Mas com a opção de compra em dezembro, quando encerra o contrato, e também caso o clube tenha interesse em contar de vez com o futebol do paraibano. O valor do passe do jogador ainda não foi fixado.

Josivaldo Alves garantiu que a filosofia do CSP é formar jogadores e colocá-los em time de Série A

Josivaldo Alves, presidente do CSP (Foto: Renata Vasconcellos)

– Essa é a nossa meta. Formar jogadores e colocar em clubes grandes com o porte de Série A. Não temos torcida, então essa é nossa filosofia. Revelar o jogador, trabalhar ele para mostrar um grande futebol, e tentar colocá-lo em um clube grande. Foi o que aconteceu com essa transferência – revelou Josivaldo Alves, presidente do CSP.

Caaporã no CSP

No ano passado, Carlos Caaporã foi uma das revelações do clube no Campeonato Paraibano. Demonstrou um bom futebol, que despertou interesse do Antuérpia, da Bélgica. Ele viajou para a Europa, mas por ainda não ter 18 anos ficou impossibilitado de assinar contrato com o clube.

Já em 2013, depois de retornar para o Brasil, o paraibano não conseguiu se firmar no time do CSP durante o Estadual. Disputou poucos jogos da competição no time titular, e na maioria das partidas esteve no banco de reservas. Mas entrando em campo no segundo tempo.

O CSP – clube de pouca torcida na Paraíba, mas que tem a filosofia de formar jogadores – foi eliminado nas semifinais do Campeonato Paraibano para o Botafogo-PB, que sagrou-se campeão estadual. O time terminou em terceiro.


Tabela interativa da Série A com atualização online


Fonte: GLOBOESPORTE.COM

Foto: Kako Marques – Renata Vasconcellos / Globoesporte.com/PB