Torcidabahia
Uma grande torcida, merece um grande site

Bahia promete representação contra árbitro de jogo contra o Vasco e não se pronuncia sobre Elton

Volante admitiu ter cuspido em dirigente vascaíno que teria menosprezado o Bahia

Jogadores do Bahia falam com árbitro de jogo contra o Vasco (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco.com.br)
139

O Bahia ficou na bronca com o árbitro Rafael Traci, que apitou a partida do Tricolor contra o Vasco, que aconteceu nesta segunda-feira (16), em São Januário, pelas oitavas de final da Copa do Brasil. Mesmo com a classificação às quartas da competição, a direção do clube prepara material para entrar com uma representação contra a arbitragem da partida. Representantes do Bahia também falaram, ao site Globo Esporte, que o clube não vai se pronunciar sobre o volante Elton, que admitiu ter cuspido em um dirigente do Vasco.

O Bahia perdeu para o Vasco por 2 a 0, mas, por ter vencido o jogo de ida por 3 a 0, se classificou à fase seguinte da Copa do Brasil. O clube acredita que os erros de arbitragem não justificam a derrota, mas precisam ser registrados.

As principais reclamações do Tricolor são: o pênalti marcado no primeiro tempo, que causou o gol marcado por Yago Pikachu, um impedimento inexistente de Edigar Junio no segundo tempo, que foi marcado quando o atacante seguia livre em direção ao gol adversário, uma falta não marcada em Edigar Junio em um contra-ataque, quando novamente ele se aproximava da área, e à expulsão de Léo, no final da partida.

O árbitro relatou na súmula que Léo recebeu o cartão vermelho por “dar uma entrada contra um adversário com uso de força excessiva na disputa da bola”.

Elton

Outra questão polêmica na partida foi a confusão na qual o volante Elton se envolveu após o jogo. O volante foi acusado de ter cuspido em um dirigente do Vasco. Em entrevista ao repórter Fred Huber, do site Globo Esporte, o jogador confirmou a cuspida e contou sua versão dos fatos. Segundo o jogador, o dirigente teria chamado o Bahia de “time pequeno”.

Eles falaram o que falaram para mim? “Jogadorzinho medíocre, jogadorzinho pequeno”. Então vê lá o que eles falaram. “Jogador de time pequeno”. Está chamando o Bahia de time pequeno? Eles têm que ter respeito. Eu estava mexendo com a torcida. Ele tomou a dor? É diretor, tomou a dor, mas também não pode falar aquilo que falou para mim. Eu dei uma cusparada, mas não bateu neles, não

O Bahia disse que não irá se pronunciar sobre uma possível punição ou não a Elton.

Após a partida contra o Vasco, o Bahia viaja para enfrentar a Chapecoense, nesta quinta-feira (19), na Arena Condá, pelo Campeonato Brasileiro.

Comentários
Carregando...