Torcidabahia
Uma grande torcida, merece um grande site

Bahia quebra tabu e vence primeira fora de casa no Brasileirão contra o Ceará

Lucas Fonseca e Gilberto marcaram os gols do triunfo tricolor por 2 a 0 nesta quarta-feira (29)

Lucas Fonseca comemora gol pelo Bahia (Foto: JL Rosa/Diário do Nordeste)
28

Na noite desta quarta-feira (29), o Bahia venceu o Ceará por 2 a 0, no estádio Presidente Vargas, em jogo atrasado da 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. Foi o primeiro triunfo do Tricolor fora de casa na competição nacional. Lucas Fonseca e Gilberto marcaram os gols que afastaram a equipe da zona de rebaixamento.

Com o triunfo, o Bahia subiu para a 11ª posição, com 25 pontos. A equipe volta a campo no próximo domingo (2), às 16h, quando enfrenta o Atlético-PR, na Arena da Baixada.

O JOGO

Primeiro tempo

A primeira grande chance da partida foi do Ceará: aos oito minutos, Ricardo Bueno pegou uma sobra na grande área e chutou duas vezes no gol, mas a bola explodiu na defesa.

Logo depois, o Bahia respondeu: Marco Antônio recebeu na direita e cruzou. O goleiro Everson deixou a bola passar, mas não tinha ninguém do Tricolor para completar para o gol e a defesa cearense tirou.

Aos 17, chance para o Bahia: Gregore puxou contra-ataque e tocou para Zé Rafael, que avançou em velocidade e tocou para Gilberto, mas a bola acabou quicando no gramado e o atacante não dominou.

Aos 26, Ceará no ataque: Ricardo Bueno pega sobra na entrada da área e chutou forte para a defesa de Douglas, que voltou a jogar após dois meses.

O Bahia conseguiu abrir o placar aos 27 minutos! Marco Antônio cobrou escanteio na área, Nilton desviou na primeira trave e a bola sobrou para Lucas Fonseca. O zagueiro pegou de primeira, de esquerda e chutou forte para estufar as redes. Golaço!

Duas chances seguidas para o Ceará: aos 36, Ricardo Bueno ajeitou para Samuel Xavier, que passou por Gregore e chutou rasteiro para a defesa de Douglas. No minuto seguinte, João Lucas avançou pela esquerda e cruzou para Felipe Azevedo que, sozinho, cabeceou para fora.

Aos 41, o Ceará quase empatou em grande estilo. Juninho Quixadá recebeu na entrada da área, driblou três marcadores do Bahia e chutou. A bola passou raspando a trave do goleiro Douglas.

Mais chances para o Vozão: aos 45, Ricardo Bueno roubou a bola no campo de ataque e tocou para Ricardinho, que chutou para mais uma defesa de Douglas. No minuto seguinte, Ricardinho cobrou falta na entrada da área e a bola passou por cima do gol.

O último bom lance do primeiro tempo foi do Bahia. Aos 48, Léo cruzou na área e Gilberto cabeceou para fora.

Segundo tempo

O Bahia quase marcou o seu segundo gol aos cinco minutos: Léo cobrou lateral na área e Gilberto, livre, cabeceou para a defesa de Éverson.

No minuto seguinte, o Ceará respondeu: Ricardo Bueno bateu de fora da área e Douglas rebateu.

Aos 21, o Bahia chegou com perigo: após cruzamento na área, Élber dominou e deu bom passe para a chegada de Zé Rafael, que bateu forte e Éverson precisou fazer grande defesa.

Aos 30, Douglas salvou o Bahia: após escanteio para o Vozão, Richardson pegou a sobra de fora da área, soltou uma bomba e fez o goleiro tricolor fazer grande defesa.

 

O Ceará tentava o empate, mas quem acabou marcando novamente foi o Bahia. Aos 41, Élber interceptou um lançamento e a bola sobrou com Gilberto, que avançou livre pelo ataque, invadiu a área, e bateu forte, sem chances para o goleiro.

Aos 47, a Ceará tentou diminuir: Felipe Azevedo passou pelos marcadores e chutou colocado para a boa defesa de Douglas. Pedro Ken tentou pegar a sobra, mas bateu mal.

FICHA TÉCNICA
Ceará 0 x 2 Bahia
Campeonato Brasileiro – 15ª rodada 

Local: Presidente Vargas, em Fortaleza
Data: 29/08/2018
Horário: 19h30
Árbitro: Dyorgines José Padovani de Andrade (ES)
Assistentes: Fabiano da Silva Ramires e Vanderson Antonio Zanotti (ambos do ES)
Adicionais: Devarly Lira do Rosario e Felipe Duarte Varejão (ambos do ES)

Cartões amarelos: Romário, Pedro Ken (Ceará) / Léo, Nilton, Gilberto (Bahia)

Gols: Lucas Fonseca (27/1º) e Gilberto (41/2º)

Ceará: Everson, Samuel Xavier, Tiago Alves, Luiz Otávio e João Lucas; Fabinho (Pedro Ken), Richardson, Juninho Quixadá e Ricardinho (Romário); Felipe Azevedo (Arnaldo) e Ricardo Bueno. Técnico: Lisca.

Bahia: Douglas; Bruno, Everson, Lucas Fonseca e Léo; Gregore, Nilton e Flávio; Zé Rafael (Edigar Junio) e Marco Antônio (Élber); Gilberto (Brumado).Técnico: Enderson Moreira.

Comentários
Carregando...