Torcidabahia
Uma grande torcida, merece um grande site

Edson e Rodrigo Becão ficam livres para atuar na quarta após concessão de efeito suspensivo

Efeito também é concedido aos jogadores do Vitória e é válido até o julgamento no pleno do TJD-BA

Edson treina pelo Bahia no Fazendão (Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / E.C Bahia)

O zagueiro Rodrigo Becão e o volante Edson, suspensos após o julgamento da 1ª Comissão Disciplinar do Tribunal de Justiça Desportiva da Bahia (TJD-BA), na última terça-feira (27), estão liberados para atuar contra o Jequié, nesta quarta-feira (7), pela nona e última rodada da primeira fase do Campeonato Baiano. Neste sábado (3), foi concedido um efeito suspensivo, pelo auditor Eduardo de Carvalho Mota Júnior. Jogadores do rival Vitória também foram agraciados com o efeito suspensivo: Kanu, Yago, Denílson e Rhayner.

O efeito suspensivo faz com que os jogadores apenas cumpram suspensão após o julgamento do recurso pelo pleno, que deverá ocorrer no dia 13 de março. Também está suspensa a multa de R$ 100 mil imposta ao Vitória.

O efeito suspensivo só será válido para os jogos desta quarta-feira, não valendo para a rodada deste final de semana. Logo, Edson e Rodrigo Becão ainda desfalcam o Tricolor na partida contra o Juazeirense, neste domingo (4).

Já Vinícius foi punido com dois jogos de suspensão e não será atendido pelo efeito suspensivo. Após cumprir suspensão automática contra o Atlântico, no último domingo, ele irá cumprir a segunda partida contra o Juazeirense e estará livre para enfrentar o Jequié.

Denunciados por agressão no último Ba-Vi, Rodrigo Becão e Edson foram suspensos por oito partidas. Do lado do Vitória, Kanu foi condenado a 10 jogos de suspensão. Yago, Rhayner e Denílson foram suspensos por oito jogos. Além disso, o Vitória foi multado em R$ 100 mil pelo final da partida antes do previsto. O Ba-Vi foi encerrado aos 34 minutos do segundo tempo após a quinta expulsão de um jogador rubro-negro.

Comentários
Carregando...