‘Couro comeu’ no Flamídia

Clima esquenta no Flamengo após discussão do diretor com assessor

Dirigente faz ameaças e arremessa copos após desentendimento em camarote no Castelão

RIO – Apesar de estar na disputa da semifinal da Copa do Brasil e de a possibilidade de rebaixamento no Campeonato Brasileiro ser remota, o Flamengo parece com os nervos à flor da pele. O diretor de futebol Paulo Pelaipe ofendeu e ameaçou agredir o assessor de imprensa do clube, Hilton Mattos, em um camarote da Arena Castelão, em Fortaleza, durante a partida contra a Portuguesa, no último domingo. Paulo Pelaipe se irritou com a decisão dos assessores de liberar o centroavante Hernane para uma entrevista antes do jogo. De forma agressiva, cobrou Hilton, que respondeu. Pelaipe arremessou copos d'água contra o assessor e ameaçou contato físico. Ele foi contido por seguranças.

Não deixe de ler:

Arenas das Dunas será garantida com Petróleo

Confira também:

Liga dos Campeões – Classificação – Tabela e Regulamento

Tabela interativa da Série A com atualização online

Os melhores vídeos – YouTube União Tricolor Bahia

O presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, comentou o caso nesta segunda-feira, depois de participar de reunião com jogadores do movimento Bom Senso FC e a CBF, no Rio. "Não é querer minimizar a coisa, mas esse tipo de discordância acontece toda hora, na sua família, no seu trabalho. Não houve nada que pudesse macular o bom ambiente que há no Flamengo hoje", disse o dirigente. "O ambiente no Flamengo nunca foi tão bom." O Flamengo inicia a disputa por uma vaga na final da Copa do Brasil nesta quarta-feira, contra o Goiás, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia.


Fonte: AE – Agência Estado – Via Terra