Já denunciou?

Diretor da base do Bahia acusa empresário de aliciar garotos do sub-15

Diretor da base do Bahia acusa empresário de aliciar garotos do sub-15

Jogadores com menos de dezesseis anos não podem assinar contrato profissional. Porém, antes disso, se registrados na Federação Bahiana de Futebol (FBF) como atleta do Bahia, só podem deixar o clube mediante autorização da agremiação responsável pela assinatura do registro. Neste caso, o tricolor.

Entretanto, nos últimos dias, o coordenador das divisões de base do Bahia, Carlos Anunciação, foi obrigado a dar início a uma investigação dentro do Fazendão. O motivo? Empresários em busca de atletas da equipe sub-15.

Publicamente, em entrevista a rádio Excelsior, o gestor tricolor foi direto ao falar sobre o assunto. Disse que o Bahia está atento ao caso e acusou Souza Gutemberg, da empresa Championsdek, de tentar aliciar alguns atletas.

– Nós estamos tentando amenizar a situação. Estamos há duas semanas investigando e descobrimos que o Souza Gutemberg, agente Fifa da empresa Championsdek, entrou em contato com alguns familiares. É o Bahia sendo assaltado por pessoas que dizem ser profissionais – bradou.

Carlos Anunciação, inclusive, fez questão de relatar como descobriu o possível aliciamento. Se passou como membro da família de um dos garotos do time sub-15 e marcou um encontro com o empresário, já citado pelo gestor do Bahia.

– A gente se passou por uma pessoa da família e marcamos um encontro com esse agente próximo ao Fazendão, em um shopping – detalhou.


Tabela interativa da Série A com atualização online

http://uniaotricolorba.com.br/tabelaseriea.asp


 

Fonte: Felipe Santana – Bahia Notícias

Foto: ECB