Lucas Fonseca critica o árbitro Wagner Reway: Nos tratou com desrespeito

Lucas Fonseca destaca que é necessário corrigir falhas cometidas nos jogos do Campeonato Brasileiro (Foto: Felipe Oliveira/Divulgação/EC Bahia)

Apesar do ponto conquistado, o Bahia teve do que reclamar em relação ao jogo contra o Coritiba. Ao fim da partida empatada em 0 a 0 nesta quinta (15), no Couto Pereira, o zagueiro Lucas Fonseca reclamou da arbitragem de Wagner Reway. Em sua crítica, o defensor tricolor falou em falta de respeito com os jogadores tricolores e citou favorecimento ao time da casa.

“A arbitragem fazer o que faz com a gente não existe. O Kleber fala o que quer com o juiz e ele mandava a gente ficar calado. Queria que ele apitasse de forma neutra. Infelizmente, é isso que acontece. Ele tratou a gente com desrespeito e com o time da casa ele parece uma moça. Desde o começo do jogo ele [Kleber] estava procurando. É difícil”, declarou, em entrevista à Rádio Metrópole.

Lucas também elogiou o trabalho de Jorginho, que já está no comando técnico da equipe há quatro partidas no Campeonato Brasileiro.

“Importante esse trabalho de transição entre o Guto e o Jorginho. Estamos procurando assimilar da melhor maneira para executar”, explicou.

Com 10 pontos conquistados, o Bahia ocupa o sexto lugar da competição nacional. O Esquadrão pode ser ultrapassado pelo Fluminense, que enfrenta o Grêmio nesta noite, às 21h.

Fonte: Bahia Notícias

Leia também:
Bahia inicia preparação para enfrentar o Flamengo com reservas em campo
Confronto entre Bahia e Flamengo já tem 14 mil ingressos vendidos
Diego Cerri pede grupo fechado para ultrapassar fase difícil
Jogo entre Bahia e Flamengo terá arbitragem de Minas Gerais