Torcidabahia
Uma grande torcida, merece um grande site

“Não pode desperdiçar tantos gols”, critica Marcelo Sant’Ana após derrota

Bahia peca nas finalizações e acaba eliminado da Copa do Brasil após perder para o América-MG por 1 a 0 na Fonte Nova. Marcelo Sant’Ana diz que clube segue no mercado

O Bahia sofre de uma marga sina neste início de temporada. O time consegue criar chances, mas não consegue reverte-las em gols. Nos últimos jogos, o problema custou caro. O Tricolor venceu o Vitória por 1 a 0 na Fonte Nova e perdeu o título do Campeonato Baiano – precisava vencer por dois gols de diferença, e foi derrotado pelo América-MG após criar inúmeras oportunidades, resultado que provocou a eliminação na Copa do Brasil.

Após a derrota para o Coelho por 1 a 0, na última quarta-feira, na Arena Fonte Nova, o presidente do Bahia concedeu entrevista coletiva. Entre as declarações, reclamou da arbitragem e adotou o tom crítico com relação as chances desperdiçadas a cada partida.

– A gente tem que fazer essa correção na finalização, não pode desperdiçar tantos gols. No Bahia perdeu oportunidades, contra o América-MG, contra o Avaí. Então, a gente tem criado, e isso é um indicativo positivo do time. Agora é inegável que tem que ser feitas as correções. O Bahia tem pecado demais na definição das jogadas. Na Série B a gente tem que dar a resposta que a torcida merece – declarou.

Parte dos problemas ofensivos do Bahia passa pela ausência do atacante Hernane. O jogador se recupera de uma lesão no pé e desfalcou o time nos últimos três jogos. Sant’Ana destacou a dificuldade em encontrar peças com características semelhantes no mercado.

– Acredito que a minoria das equipes do Brasil tem um camisa 9. Claro, que se a gente achar no mercado um jogador com as características parecidas… Fica mais fácil, na parte tática, não ter mudança no setor ofensivo quando perde essa peça. A gente tem o Hernane se recuperando de um problema que o atrapalhou nas finais. O Hernane só volta a jogar quando estiver 100%.  Com aquela dificuldade que apresentou na final do Baiano, ele estava se prejudicando. Se a gente puder trazer um substituto, é um nosso desejo. Agora temos que fazer umas ponderações. Poucos times do Brasil tem um centroavante.

O dirigente tricolor também analisa carência em outros setores. Ele reforça que o Bahia ainda segue no mercado para trazer novos reforços para a disputa da Série B.

– A gente tem buscado montar um elenco qualidade. A gente tem atletas sem estrear, que é o caso de Renato Cajá. A gente tem analisado outras carências dentro do elenco porque o Bahia.

Leia mais:
Régis começa a se desligar do Palmeiras e fica mais próximo do Bahia
Virgílio Elísio deverá concorrer à presidência do Bahia
Série B: Partida entre Paraná e Bahia terá transmissão da TVE
Henrique admite falta de pontaria, mas ressalta que não faltou empenho no Bahia
Após eliminação da Copa do Brasil, Zé Roberto lamenta perda de chances e pede foco para a Série B

Fonte: Ge.com

Comentários
Carregando...