Postado por - Newton Duarte

Média de público: Bahia é primeiro em ranking liderado pelo Norte-Nordeste

Sete das oito maiores médias de públicos da Série B são de times do Norte-Nordeste

Alguns clubes costumam se notabilizar pela paixão de seus torcedores, na Série B do Campeonato Brasileiro as torcidas de seis times do Nordeste e um da Região Norte têm demonstrado essa paixão. Tanto que sete das oito maiores médias de público pagante na competição até a 16ª rodada são de Bahia, Paysandu, Ceará, Sampaio Corrêa, Vitória, Santa Cruz e Náutico. Veja o ranking de público de 2015 envolvendo os 60 clubes das Séries A, B e C do Brasileirão

O único time fora do eixo Norte-Nordeste que figura no top 8 é o Botafogo. Forte candidato ao título da Segunda Divisão do Brasileirão, o Glorioso aparece em sétimo na lista, com média de 7.414 pagantes.   

O dono da maior média de público da Segundona é o Bahia. Em sete jogos (seis na Fonte Nova e um no estádio de Pituaçu), o Tricolor de Aço tem média de 18.906 pagantes, 2.446 torcedores à frente do Papão, segundo colocado com 16.460.

O Ceará é o lanterna da Série B, com apenas 11 pontos, mas a fase ruim não é empecilho para a torcida do Vovô. Tanto que o Alvinegro de Porangabuçu aparece em terceiro no ranking, com 14.923 pagantes por jogo.  

Em quarto na lista de melhores médias de público da Série B figura o Sampaio Corrêa. O time do Maranhão faz boa campanha na Segunda Divisão do Brasileiro (atualmente é o quinto colocado) e tem contado com a energia que vem das arquibancadas. Até o momento, o Tricolor maranhense está com uma média de 9.349 pagantes nas partidas no Castelão (MA).

Logo atrás aparece o Vitória, com 8.359 pagantes. Na quinta posição no ranking está o Santa Cruz, com 7.594 torcedores que pagaram ingresso para assistir aos jogos do Tricolor pernambucano. Em oitavo lugar, o Náutico fecha a lista dos times nordestinos com as maiores médias de público. Em nove jogos na Arena Pernambuco, o Timbu tem média de 6.876 pagantes.

Nota Luis [email protected]: Duas considerações: Se o Botafogo estivesse em primeiro lugar nesta lista, a manchete, seguramente, seria outra. “A Nação (apenas no coração deles) alvinegra domina a Série B”

Também, a comparação não faz sentido. Os clubes do Nordeste, são clubes com poder estadual, enquanto a maioria dos restantes são clubes do interior dos grandes centros, com atuação estritamente local, onde a população é menor, além de jogarem em estádios acanhados e pouca capacidade de público.

Confira a média de público pagante dos 20 times da Série B do Brasileirão:

ranking dos clubes