Torcidabahia
Uma grande torcida, merece um grande site

Tiago declara que grupo já virou a página da confusão do Ba-Vi

Zagueiro diz que o time já pensa na partida contra o Náutico, nesta quinta-feira (22), pela Copa do Nordeste

Tiago concede entrevista coletiva (Foto: Felipe Oliveira/Divulgação/EC Bahia)
59

Nesta terça-feira (20), o zagueiro Tiago concedeu entrevista coletiva no Fazendão. O capitão do Bahia falou sobre as confusões do último Ba-Vi, realizado no domingo (18). A partida teve uma briga generalizada que contou com sete expulsões e terminou aos 35 minutos do segundo tempo, quando o Vitória teve seu quinto jogador expulso sob a suposta ordem do técnico Vagner Mancini.

Para Tiago, o Bahia foi para partida querendo jogar futebol e os jogadores do Vitória reagiram de forma “extremamente elevada” em relação à comemoração de Vinícius, o que acabou criando a confusão:

Aconteceram várias coisas. A gente tem que separar o que aconteceu, a gente não se orgulha em nada do que aconteceu. Mas a gente está com a consciência tranquila de que foi para lá para jogar futebol, jogou futebol. E, em uma comemoração de um gol, aconteceu tudo que aconteceu. A gente vê de uma forma muito tranquila a nossa reação. A gente jogou futebol, e a equipe adversária teve postura extremamente elevada em relação ao Vinícius. Se parar para pensar, nenhum jogador que estava dentro de campo do Bahia deveria ser expulso. O Vinícius comemorou de uma forma, não vou dizer correta, mas que ele julgou naquele momento. Aconteceram muitas coisas em outros Ba-Vi’s piores, de mais desrespeito. Acho que, em uma partida, tem autoridade maior que é o árbitro, e tem que ter atitude para advertir os jogadores

Tiago declarou que a equipe “virou a página” e já pensa na partida contra Náutico, na próxima quinta-feira (22), pela Copa do Nordeste:

A gente, sinceramente, a gente virou essa página. Ontem tiveram muitos comentários, as coisas estavam acontecendo ainda, mas a gente virou a página. O nosso foco agora é no Náutico, e estamos trabalhando nisso. Jogo bom, importante para nós, para eles também. Viramos essa página, agora é Copa do Nordeste, precisamos do triunfo. Estamos focados, trabalhando. Ontem fizemos um bom treino, uma coisa nova treinar logo depois do jogo. A gente está completamente focado no Náutico agora.

Confira o que Tiago declarou em entrevista coletiva

Suposta ordem de Vagner Mancini
– Para mim, tinha sido bem evidente, não tem como provar isso, mas você sabe o que aconteceu. No momento, ficou evidente para mim, e alertei o Jaílson [Macêdo Freitas, árbitro do jogo]. E depois, nas imagens, ficou claro. Cabe a vocês julgar, dizer o que aconteceu. Para mim ficou claro na hora.

Repercussão do Ba-Vi fora do país
– Conheço muitas pessoas que moram fora do país, e foi espontânea a repercussão. A gente quer mostrar nosso futebol, não essas confusões que aconteceram. Lamentável, nós somos exemplos para as pessoas e devemos passar exemplo. Nem na categoria de base vi isso, de um jogador partir para agressão sem qualquer motivo, nada justifica. A situação foi lamentável.

Dificuldade de separar os jogadores na confusão
– É difícil. Comentamos que nossos jogadores foram para separar. Mas houve uma agressão e, a partir do momento em que você é agredido, o sangue sobe. Mas, se parar para observar, nenhum jogador do Bahia que estava em campo deveria ser expulso. Lucas foi expulso por pressão. Vinicius, pela regra, deveria tomar amarelo e não vermelho. Ele acabou agindo de uma forma exagerada, [deveria] tomar amarelo e só. O arbitro queria só compensar. Achei em um momento que ele estava só expulsando as pessoas que participaram da confusão e, do nada, ele expulsa o Lucas Fonseca.

Comentários
Carregando...