Um homem de fé

Um dos artilheiros da Série A, Fernandão mostra ser um homem de fé

"Oro muito a Deus, cara. Fico feliz por fazer um gol e agradecer a Deus. Estou aqui por causa dele", afirma o atacante

No futebol, entre dancinhas e desabafos, uma das comemorações mais tradicionais é aquela de levantar as mãos em direção ao céu e agradecer ao poder divino. Fernandão, o homem gol do Bahia, vive boa fase e já marcou três gols no Brasileirão 2013, dividindo a artilharia com Maxi Biancucchi (Vitória), William (Ponte Preta) e Éderson (Atlético-PR). A fonte de inspiração para os gols, segundo ele, está na fé.

"Oro muito a Deus, cara. Fico feliz por fazer um gol e agradecer a Deus. Estou aqui por causa dele. Ele que me dá forças para correr e lutar pelo time em campo", disse logo após a vitória tricolor sobre o Botafogo, por 2 a 1, de virada. Ele foi o autor dos dois gols do Bahia no jogo. "Primeiro gol dediquei a minha tia, que está passando por uma fase difícil. O segundo foi para minha esposa", contou.

Fernandão chegou ao Bahia sob desconfiança, quando Joel Santana ainda era o técnico. Na época, o treinador tricolor sequer conhecia do futebol do atacante, tendo assistido apenas a uma "fita" do jogador. Joel falou que o que pesou para o centroavante vir foi o fato de Felipão tê-lo indicado ao Palmeiras. Dentro de campo, o atleta tem mostrado raça e desde o vexame do time no Baianão tem marcado seus gols.

Fonte: Editoria Esportes – iBahia.com.

Foto: Jornal da mídia